Reitor da UFS fala na AL sobre educação a distância

0

O reitor da Universidade Federal de Sergipe (UFS), Josué Modesto Passos Subrinho, fez nesta quarta-feira um pronunciamento na Assembléia Legislativa sobre o programa da UFS para educação à distância e os cursos presenciais, dentro das metas de expansão da universidade.

Passos destacou a importância do projeto para a formação dos professores, enfatizando que há rigor da avaliação dos cursos, inclusive com visita dos docentes aos postos.

Declarou também que a cada semestre os alunos e professores respondem a um questionário sobre o curso. Daí é feito um relatório com base no que é respondido.

Expansão

Atualmente, a UFS tem 12 mil alunos matriculados e a previsão é de que em 2111 este número chegue a 32.940 estudantes, sendo 23 mil presenciais e o restante no programa de educação à distância, dentro da proposta de expansão da UFS. 

A universidade tem quatro campi: Aracaju, São Cristóvão, Itabaiana e Estância. A previsão é de que novas unidades sejam implantadas em breve, contemplando municípios como Laranjeiras, Lagarto e Glória.

Os projetos que seriam apreciados hoje, 25, na Assembléia Legislativa, foram adiados para esta quinta-feira.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais