Roubos de cabos de energia já chegam a 135 este ano

0
As ocorrências de roubo ocorrem com maior frequência em Aracaju (Foto: Ilustrativa Energisa)

O roubo de condutores de energia vem causado prejuízos a população sergipana. De acordo com dados da companhia, de 2018 até este ano, foram registrados 135 casos de roubo de condutores na área de concessão da Energisa Sergipe.

As ocorrências de roubo de condutor acontecem em todo estado nas mais variadas regiões, porém onde se tem a maior frequência é em Aracaju, sendo os bairros Siqueira Campos, Centro, Bugio e Agamenon, os que registraram maior incidência.

De acordo com a Energisa, este tipo de atividade criminosa causa risco de segurança ao autor do crime e danos a população. “Veja que os condutores são furtados com a rede de distribuição em pleno funcionamento, de modo que existe um risco altíssimo de o infrator ser eletrocutado enquanto exerce o ilícito. Além disso, toda comunidade é prejudicada por conta da interrupção do fornecimento de energia elétrica na localidade”, informa a assessoria da Energisa.

Para minimizar os prejuízos, a Energisa substitui os cabos de cobre por outros de alumínio com menor valor comercial. “Sempre que identificado furto em condutores, a Energisa Sergipe abre boletim de ocorrência junto a polícia militar para que estes possam realizar as investigações e punições adequadas aos infratores. A empresa substitui os cabos de cobre roubados por cabos de alumínio, que possuem menor valor comercial e, portanto, reduzem o interesse dos vândalos”, diz a assessoria.

Segundo a companhia de energia, o valor e utilidade do material furtado é baixo de modo que geralmente esses fios são roubados para troca de pequenos valores em sucatas clandestinas.

A população pode ajudar a denunciar os roubos através do telefone 08000 79 0196. A ligação é gratuita, e o sigilo garantido.

por Aisla Vasconcelos
com informações da Energisa

Comentários