Sedurb negocia com Transporte Público Intermunicipal

0
Sedurb atende reivindicações sobre Transporte Público Intermunicipal (Fotos: arquivo Infonet)

Após atender e receber representantes da Cooperativa de Transportes Alternativos de Sergipe (COOPERTALSE) e a Comissão de Transportes da Assembleia Legislativa de Sergipe, representada pelos Deputados Garibalde Mendonça e Jeferson Andrade, a fim de discutir sobre as reivindicações dos cooperados da Coopertalse, a Secretária de Estado do Desenvolvimento Urbano, Lúcia Falcón ouviu alguns representantes de usuários do transporte intermunicipal nesta quinta e sexta-feira.

“O jeito Marcelo Déda de governar é assim. Estamos abertos ao diálogo e ao debate. Os usuários serão atingidos diretamente com esse aumento de tarifa então temos que ouvir também a opinião deles e as suas reivindicações. Há que ser uma situação viável para todos”, explicou a secretária.

Lúcia Falcón explicou que atendeu os cooperados e que está em negociação, por essa razão é que nesses dias precisou ouvir representantes dos usuários. “Foram dois dias de muita reunião. Reunião com cooperados, movimentos populares, com alguns prefeitos municipais, com representantes de estudantes que utilizam o transporte intermunicipal, enfim, estamos ouvindo a todos. Vamos procurar intermediar para que ambas as partes obtenham uma tarifa justa”, ressaltou.

A coordenadora da Central de Movimentos Populares (CMP), Roseane Patrício de Lima Santos, elogiou a iniciativa. “É muito importante o Estado travar essa conversa, porque temos muito a contribuir e nunca tivemos essa oportunidade. Quem sabe da realidade é quem está no dia a dia utilizando os serviços. Espero que seja sempre assim”, pontuou.

Reivindicações dos usuários

Durante a reunião foi aberto um espaço para que todos pudessem falar sobre o transporte intermunicipal. Os usuários também fizeram suas reclamações e denúncias, entre elas, foi relatado pelos usuários que muitos desses transportes aplicam preços de passagens diferentes para o mesmo destino, aumentando assim o valor da tarifa sem autorização legal. Também foi citada a situação degradante do Terminal Luiz Garcia, a falta de acessibilidade nos ônibus e pediram também a verificação de rotas e locais de paradas.

Ao ouvir as denúncias a secretária foi enfática “Vamos identificar os responsáveis por esses problemas e adotar as punições que a lei permitir. Sobre o Terminal Luiz Garcia, assumimos a administração do prédio e, inicialmente vamos atender com algumas mudanças, a exemplo do aumento no efetivo de pessoas na empresa que realiza a limpeza e na contratação de uma empresa de vigilância e segurança particular. Além disso, teremos algumas reformas emergenciais para melhoria do espaço, como a reforma emergencial da parte elétrica e hidráulica, faxina geral nas paredes e telhado, recapeamento asfáltico no acesso ao terminal. Nossa intenção é procurar evoluir nas melhorias dos serviços prestados à população”, assegurou Lúcia Falcón.

A secretária lembrou ainda que ouviu atentamente e também atendeu as reivindicações da cooperativa na reunião da última quarta-feira, 3. “Todos os lados têm suas reivindicações e vamos ouvindo e atendendo da melhor maneira possível. Algumas outras vamos apurar, intermediar e levar para o Conselho Estadual de Transportes (CET) que é presidido pelo nosso vice-governador, Jackson Barreto, que não mede esforços para nos atender”, acrescentou.

Fernando Lima Costa, prefeito de Nossa Senhora das Dores e vice-presidente das associações dos municípios da Barra do Continguiba e Vale do Japaratuba disse que essa é a primeira vez que foi chamado para debater sobre esse tema. “É muito importante para população, porque tem todos os lados envolvidos. tanto das cooperativas, como nosso e da população. Essa abertura que Lúcia Falcón nos deu foi necessária para nos ouvir para que todos cheguem a um consenso comum em prol não só do aumento do serviço, mas principalmente da qualidade com que esse serviço chega para população”, argumentou o prefeito.

Para a estudante Larissa Alves, representante da União dos Estudantes Secundários de Sergipe (USES), essa reunião para juventude serviu também para ter conhecimento do que já está sendo feito pelo transporte público intermunicipal. “Acredito nas mudanças e melhorias, porém acredito também que a qualidade precisa melhorar antes de qualquer reajuste”, ponderou a estudante.

Está agendado para próxima semana o retorno da retorno das negociações.

Fonte: ASN

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais