Sinpol aguarda defesa de Antônio Morais

0

Reunião do Sinpol explicou à categoria a situação do presidente afastado (Foto: Portal Infonet)

O Sindicato dos Policiais Civis de Sergipe (Sinpol) realizou no fim da tarde desta segunda-feira, 25, uma assembleia com a categoria para discutir a situação do presidente afastado Antônio Morais. Ele está fora do cargo desde o dia 18 após suspeitas de irregularidades administrativas na entidade. A reunião desta tarde lotou o auditório da Academia de Polícia (Acadepol).

De acordo com um dos diretores executivos do Sinpol, André Prudente, Morais ainda não convocou a assembleia de defesa. Para tanto, ele tem 30 dias a partir da data de afastamento, de acordo com o estatuto do sindicado. “Caso ele não se manifeste, o vice-presidente continuará no cargo”, explicou. Prudente não quis comentar quais seriam as acusações que pesam sobre Morais, mas explicou que o Sinpol não tomará nenhuma decisão até que se esgote aquele prazo.

Na época do afastamento, Antônio Morais disse que preferia aguardar o desenrolar dos fatos e que apenas a categoria poderia decidir pelo seu futuro.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais