Sintrase deflagra greve dos agentes penitenciários

0

O coordenador do Sindicato dos Trabalhadores nos Serviços Público do Estado de Sergipe – Sintrase -, Getúlio Barbosa, convocou a greve, por tempo indeterminado, dos agentes penitenciários. Depois de três horas e meia de reunião com o secretário de Justiça Emanuel Cacho, o sindicalista afirmou que não houve avanços nas negociações. Os agentes reivindicam o descongelamento dos índices de gratificações dos agentes penitenciários para primeira, segunda e terceira classes obtidos de acordo com a lei nº 4.206. Sobre esta reivindicação, o secretário Emanuel Cacho disse que isso depende de uma decisão de governo e que levaria a pauta para ser discutida com mais profundidade. As outras reivindicações são: reenquadramento de funcionários, desmilitarização das direções dos presídios, Departamento do Sistema Penitenciário (Desipe) e Cispen; implantação de gestão democrática ou concurso público; obrigatoriedade da escala de plantão de 24 horas por 72 em todas as unidades prisionais, e elucidação dos crimes ocorridos contra agentes penitenciários. O Sintrase já definiu que 30% da categoria – em um universo de 600 profissionais –continua trabalhando nos presídios como manda a lei. Na segunda-feira, dia 26, acontece mais uma assembléia para discutir a manutenção do movimento. A paralisação não foi aceita pelo presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários, Edilson Souza.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais