SSP mobiliza dois departamentos para investigar morte de comerciante

0
Assaltantes roubam usuários do sistema de transporte e seguem para a casa comercial da vítima (Foto: Portal Infonet)

A Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP) mobilizou dois departamentos especializados para investigar a morte do comerciante Júlio César Nunes Alves, 32, atingido por tiros no Loteamento Guajará, no município de Nossa Senhora do Socorro, crime ocorrido na manhã desta quarta-feira, 31. Os primeiros levantamentos realizados pela SSP indicam que, antes de disparar os tiros contra o comerciante, os dois suspeitos teriam realizado outras ações criminosas, assaltando pedestres que estavam em um ponto de ônibus, aguardando o transporte coletivo.

Os acusados, conforme os primeiros levantamentos da SSP, teriam chegado ao estabelecimento comercial usando uma motocicleta de cor preta. Conforme informações da assessoria de imprensa da SSP, o caso começou a ser investigado pelas equipes do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e do Departamento de Crimes Contra o Patrimônio (Depatri), devido à suspeita de que a morte do comerciante tenha sido consequência de uma tentativa de assalto [latrocínio] e permanecem na região para identificar o tipo do crime.

Os policiais, segundo a SSP, foram acionados através do Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp). A vítima chegou a ser socorrida com vida, mas faleceu no Hospital de Urgência de Sergipe (Huse).

De acordo com informações da assessoria de imprensa do Huse, o comerciante foi atingido no rosto por disparos de arma de fogo e já teria chegado morto na unidade de saúde.

por Cassia Santana

 

Comentários