Supermercados serão monitorados pelo Ministério Público

0

Todos os supermercados de Aracaju serão monitorados pelo Ministério Público Estadual durante 30 dias, pelo cumprimento da “Lei do Empacotador”. A lei municipal, elaborada em 2005 pelo vereador Vinícius Porto (DEM), estabelece que os supermercados devem manter um empacotador para cada caixa disponível. Os consumidores que se sentirem prejudicados no atendimento poderão fazer a reclamação ao MPE.

A determinação foi tomada hoje, 17, em audiência pública na sede do MPE, com a promotora de Justiça, Euza Missano. Os representantes de supermercados terão dez dias a partir de hoje para enviar à promotora os números de caixas e empacotadores nas lojas. No mesmo prazo devem ser fixados cartazes em todas as lojas com os números para denúncia.

Os consumidores que se sentirem prejudicados pelo atendimento das lojas devem ligar para 3216-2400, ouvidoria do MPE. “Acredito que vão haver muitas reclamações, principalmente no início e no começo do mês” diz Roosevelt Torres Almeida, diretor da Federação dos Comerciários de Sergipe. Os dados coletados darão a base para a promotora elaborar um termo de ajustamento de conduta.

“Acho que isso só vai reforçar a prática do supermercado”, diz Américo Santos, representante do grupo G Barbosa. 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais