Testemunha baleada na saída de fórum morre no Huse

0

Moradores testemunharam o fato e prestaram socorro às vítimas  (Fotos: Sandoval Noticias.com.br)

O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) já iniciou as primeiras diligências para investigar a perseguição seguida de tiroteio ocorrida após uma audiência no Fórum de Nossa Senhora do Socorro. Três pessoas foram atingidas e uma delas, o jovem David Jones Rodrigues da Silva, de 24 anos faleceu na noite desta terça-feira, 22, no Hospital de Urgências de Sergipe (Huse).

De acordo com a delegada Juliana Alcoforado, as vítimas foram ouvidas no Huse, mas se recusam a falar. Por conta disso, a delegada terá recorrer a outros meios para obter novos dados e ainda analisar os procedimentos no intuito de verificar se as vítimas foram realmente testemunhas de algum crime [conforme divulgado inicialmente]. “Ainda é muito cedo para divulgarmos qualquer tipo de informação”, explica a delegada.

Sobre o estado de saúde das vítimas sobreviventes, a informação repassada pela Assessoria de comunicação do Huse é de que Jefferson da Silva Santos, de 22 anos, já teve alta médica e Cinthia Alves dos Santos, de 31 anos, que levou um tiro de raspão, continua internada na área verde.

Caso

As vítimas foram perseguidas por um veículo não identificado. Na tentativa de fugir da perseguição, as vítimas [uma mulher e dois homens] perderam a direção do carro e sofreram um acidente. Após o acidente, um dos ocupantes do veículo Palio buscou refúgio dentro da Escola Estadual Alfredo Montes. Um dos suspeitos estava armado e invadiu o colégio efetuando disparos. Houve pânico entre os alunos e as aulas foram suspensas logo após o ocorrido. A polícia ainda desconhece quem são os autores dos disparos e o motivo da perseguição às vítimas.

Por Verlane Estácio

Comentários