Trabalhadores devem retirar benefício do PIS até 30 de junho

0

Cerca de 3500  trabalhadores em Sergipe ainda não sacaram o benefício referente ao pagamento do PIS, equivalente a R$ 1.325.820,00. O valor por trabalhador corresponde a um salário mínimo e está disponível até 30 de junho.

Antes de ir aos locais de atendimento, é importante o trabalhador verificar se recebeu ou não os benefícios antecipadamente, por meio de crédito em conta. Para se certificar, basta olhar os extratos bancários de julho e novembro de 2007 e, também, os contracheques dos salários de julho, agosto ou setembro do ano passado.

Para os trabalhadores que não receberam os benefícios pelo crédito em conta ou no contracheque, o Abono pode ser retirado com o Cartão do Cidadão e senha nas máquinas de auto-atendimento, casas lotéricas e CAIXA Aqui, inclusive em fins de semana. Quem não tem o Cartão do Cidadão deve procurar uma agência da CAIXA e levar documentos de identidade e comprovante de inscrição no PIS.

Tem direito a receber o abono todo aquele que foi cadastrado no PIS ou PASEP até 2002, trabalhou pelo menos 30 dias, consecutivos ou não, no ano de 2006 com carteira assinada por empregador contribuinte do PIS-PASEP, recebeu, em média, até dois salários mínimos mensais e a empresa informou corretamente os dados de emprego na RAIS do ano-base 2006.

Quotas

Atualmente é permitido o saque do saldo de quotas do PIS pelos motivos previstos em lei: aposentadoria, invalidez permanente, reforma militar, transferência para a reserva remunerada, AIDS ou câncer do titular ou de seus dependentes, morte do titular, benefício assistencial a deficiente e idoso e participante com idade igual ou superior a 70 anos.

A Caixa esclarece suas dúvidas pelo telefone 0800-726 0101 ou no site da Caixa.

Comentários