Três motoristas são assaltados em rodovias federais

0
Assaltos são registrados pela PRF (Foto: Arquivo Portal Infonet)

Três motoristas foram assaltados entre a noite da segunda-feira, 18, e a madrugada desta terça-feira, 19, em diferentes trechos das duas rodovias federais que cortam Sergipe, segundo informou a Polícia Rodoviária Federal (PRF). Os assaltos ocorreram de forma semelhante contra um funcionário de uma distribuidora de bebidas e contra dois caminhoneiros. O funcionário da distribuidora foi abordado na BR 235 e os dois caminhoneiros que saíram da Bahia com carregamento de combustível e de eletroeletrônicos foram abordados na BR 101.

Os assaltantes sequestraram todas as três vítimas e depois as abandonaram em outros trechos das rodovias. A primeira vítima a fazer contato com os policiais rodoviários federais foi o funcionário de uma distribuidora de bebidas que conduzia o Fox de cor vermelha, de placa IAO 9422, licença de Sergipe, de propriedade dele. Segundo os familiares, a vítima, cuja identidade está sendo preservada, saiu do trabalho à noite e seguia para a residência.

Segundo a vítima, quatro homens armados estavam em um outro veículo. Três entraram no Fox e deixaram a vítima no banco traseiro, dizendo que usariam aquele carro para “fazer uma parada”, supostamente um outro crime, e que posteriormente abandonaria o veículo.

No trajeto, segundo a vítima, o veículo que o outro assaltante ocupava faltou combustível. “Êta, hoje não estamos com sorte”, teria comentado um dos assaltantes ao constatou que o veículo estava sem combustível. O carro foi abandonado e o quarto bandido também entrou no Fox.

Mais adiante, os assaltantes abandonaram a vítima e seguiram com o Fox. O funcionário da distribuidora andou até alcançar a rodovia, pediu socorro a alguns motoristas que passaram na pista, mas não obteve êxito. No entanto, um amigo da vítima passava na pista, o reconheceu e o conduziu até o posto da PRF. De lá, seguiram para a Delegacia Plantonista, onde foi prestado Boletim de Ocorrência e feito contato com os familiares.

De acordo com informações da PRF, a abordagem ocorreu em um trecho do km 40 da BR 235, próximo ao povoado Rio das Pedras, em Itabaiana e o motorista foi abandonado em um canavial, já no município de Laranjeiras. A vítima revelou que reduziu a velocidade para passar em um dos redutores de velocidade [quebramola] instalados ao longo da rodovia, em Itabaiana, quando foi interceptado pelos assaltantes.

Os outros assaltos

A segunda vítima fez contato com os policiais por telefone. O caminhoneiro revelou que teria sido interceptado por um grupo de assaltantes armados na BR 101, em trecho do município de Estância. A vítima revelou que conduzia um caminhão com dois reboques [o trator com placa JSI – 1850, licença da Bahia, e os reboques com placas JSY 26 44 e JSY 7424, ambos licenciados na Bahia] que transportava combustível da Bahia para descarregar em Pedra Branca, território sergipano.

A vítima informou que teria sido abandonada em um matagal, próximo ao município de Maruim. Os assaltantes fugiram com o veículo e o caminhoneiro começou a andar até alcançar um posto de combustível instalado às margens da BR 101, onde fez o contato com os policiais rodoviários federais, já volta das 3 horas da madrugada desta terça-feira, 19.

O outro caminhoneiro também vinha do Estado da Bahia, transportando produtos eletroeletrônicos para abastecer as lojas de uma rede em Aracaju. O motorista revelou que foi abordado por homens armados, que estavam em um carro de passeio. A abordagem ocorreu próximo à entrada de Aracaju e, da mesma forma, o motorista teria sido sequestrado e teria passado um período sob o domínio dos assaltantes que o abandonaram às margens da BR 101, na altura do km 123. Neste caso, o motorista não informou detalhes do veículo roubado.

Veículo abandonado

Nenhum dos veículos roubados foi localizado pelos policiais rodoviários federais. Quando a equipe realizava rondas na tentativa de encontrar o Fox, localizou um veículo, um Gol de cor vermelha e placa de Nossa Senhora do Socorro, abandonado às margens da rodovia próximo ao Rio das Pedras. No primeiro momento, chegou a acreditar que se tratava do Fox tomado de assalto, devido à semelhança da cor, mas logo constataram que a diferença do modelo.

Os policiais ainda estão fazendo o levantamento sobre a origem do carro abandonado. Até o momento, não há registro de restrição por roubo ou furto. Há suspeita que pelo menos um dos assaltos a caminhoneiro tenha sido praticado pelo mesmo grupo que assaltou o funcionário da distribuidora de bebidas, mas ainda não há confirmação.

Por Cássia Santana

Comentários