Vigilantes da Brava fazem ato na porta do Cenam

0
Representante da Bravo conversando com vigilantes no Cenam na manhã desta terça (Foto: Portal Infonet)

Vigilantes da Empresa Brava fizeram um ato na manhã desta terça-feira, 13 na porta do Centro de Atendimento ao Menor (Cenam). Eles estão preocupados com o quadro reduzido de agentes de medidas socioeducativas na unidade, após a prisão de dez profissionais na última sexta-feira, 9.

“Fizemos uma manifestação rápida na porta do Cenam hoje cedo com a finalidade de chamar a atenção tanto da Empresa de Vigilância, quanto do Cenam, para que haja o aumento do número de vigilantes e de agentes de medidas socioeducativas. Os trabalhadores que fazem a vigilância interna estão fazendo a vigilância com medo. Já falei com o dono da Brava, mas ele me disse que não tem como dar uma solução por conta do contrato firmado com o Cenam”, destaca o presidente do Sindicato dos Vigilantes do Estado de Sergipe, Genilson Pereira.

O Portal Infonet entrou em contato com a Empresa Brava e de acordo com a funcionária Dailza Desidério, “não chegou nenhuma informação sobre o ato na porta do Cenam e nenhum vigilante ligou reclamando”.

Por Aldaci de Souza

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais