Casa do IPHAN abre portas para novas idéias

0
A reunião foi para informar e tirar dúvidas sobre os editais. (Foto: Arquivo Infonet)

Na manhã desta terça-feira, 03, a Casa do IPHAN em São Cristóvão realizou reunião com representantes de instituições e também com pessoas interessadas em conhecer melhor ou tirar dúvidas sobre os editais do Programa Nacional do Patrimônio Imaterial (PNPI) e do Prêmio Rodrigo de Melo Franco, lançados pelo IPHAN.

Depois da explanação dos editais, houve troca de idéias sobre projetos que já são realizados ou que estão sendo elaborados e as possibilidades de concorrerem aos editais.

Servidores do IPHAN que atuam na Casa se colocaram à disposição dos possíveis proponentes para tirar dúvidas e orientar sobre as inscrições, tanto dos presentes quanto dos interessados que não puderam comparecer à reunião. Ficou estabelecido que todos os dias, de segunda a sexta-feira, no período de 8h as 12h, os interessados poderão comparecer à Casa do Iphan em São Cristóvão, onde poderão contar com os esclarecimentos necessários.

Prêmio Rodrigo de Melo Franco – foi criado em 1987 pelo IPHAN em reconhecimento a ações de proteção, preservação e divulgação do patrimônio cultural brasileiro e prevê a premiação de propostas em sete categorias:

• Promoção e comunicação
•  Educação patrimonial
•  Pesquisa e inventário de acervos
•  Preservação de bens Móveis
•  Preservação de bens Imóveis
•  Proteção do patrimônio natural e arqueológico
•   Salvaguarda de bens de natureza imaterial

Os proponentes podem ser pessoas físicas ou jurídicas e têm até o dia 9 de julho para, na Superintendência Estadual do IPHAN , inscrever seus projetos em uma das sete categorias previstas no Edital. Para tanto deve ser apresentado um dossiê ilustrado que caracterize a atividade realizada.

Chamamento Público Edital do PNPI 2012 – Essa é uma ação do Programa Nacional do Patrimônio Imaterial (PNPI), instituído pelo governo federal em 2000. Com recursos financeiros no valor de R$ 1 milhão, serão aceitos apenas os projetos que solicitem apoio no valor mínimo de R$ 100 mil e máximo de R$ 105 mil, excluído o valor da contrapartida. O texto completo do edital e os formulários para inscrição estão disponíveis no site do IPHAN. O Departamento do Patrimônio Imaterial (DPI-IPHAN) receberá as inscrições até o dia 20 de julho.

Instituições públicas e privadas sem fins lucrativos poderão se inscrever, desde que não estejam vinculadas à estrutura do Ministério da Cultura, e comprovem experiência no desenvolvimento de ações em pelo menos uma das seguintes áreas: pesquisa e documentação histórica e/ou etnográfica, educação, apoio à comunidade e preservação cultural. Os projetos serão submetidos à avaliação técnica e orçamentária da Comissão Especial de Seleção. Cada instituição poderá inscrever uma proposta.

Fonte: Assessoria de Comunicação

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais