Dia D RPG Brasil movimenta fim de semana em Aracaju

0

Cartaz do evento. Arte dos sergipanos Duarte Thiago e Eduardo Oliveira
Os amantes dos Jogos de Interpretação de Papéis, ou simplesmente RPG (do inglês Role Playing Game), terão a oportunidade de participar de um grande evento neste final de semana: é o Dia D RPG Brasil. Considerado o maior da área em todo país, o Dia D acontece paralelamente em 21 cidades, distribuídas em 15 Estados.

 

Durante os dois dias: sábado, 10, e domingo, 11, os jogadores poderão participar de mesas de RPG, exibição de filmes e animes oficiais, torneio de cards, Live Action, assistir às palestras e às vídeo-conferências com autoridades na área, como Douglas Quinta Reis – editor da Devir Livraria, Maria do Carmo Zanini e Carlos Eduardo, diretora e editor da revista ONG Ludus .

Em Aracaju, o evento acontece no Sesc Centro e o organizador Anderson Carlos, espera um público de mil pessoas. Para participar basta comparecer, efetuar a inscrição no local e contribuir com um quilo de alimento que será doado para instituições beneficentes.

 

O Dia D RPG Brasil acontece pela primeira vez e Aracaju foi uma das cidades escolhidas para sediá-lo. Um dos pontos que pesaram para esta escolha foi a grande atuação da Divisão Brasileira de Artes, da qual Anderson é um dos fundadores. O grupo realiza entre outras coisas o HQ Festival desde

Andreson Carlos (à esquerda) e alguns participantes do Dia D RPG
2003, que no ano passado reuniu mais de duas mil pessoas, inclusive vindas de outros Estados, entre fãs de revistas em quadrinhos, HQ’s, games, cards e RPG.

Para este novo evento, o Dia D, Anderson espera uma boa receptividade. “Espero que o resultado seja bem positivo. É uma iniciativa ousada e foi um trabalho danado para organizar”.

 

A maior parte do público que curte RPG e suas variações, é estudante e tem entre 14 e 25 anos. Além disso, são pessoas que lêem muito e compartilham o gosto pela leitura, quadrinhos, games e cinema. “Eles também em geral gostam muito da disciplina História, porque envolve o desenrolar de fatos reais que são muito trabalhados em alguns jogos, como a Segunda Guerra, por exemplo. E esses fatos podem servir de pano de fundo para desenvolver novas idéias de jogos”, explica Anderson.

 

A relação do RPG com a educação tem ido muito além da simples afinidade por determinadas disciplinas. Segundo o professor de matemática Danilo Lemos Batista, que irá proferir palestra no Dia D sobre Educação e RPG, “além da função de entreter e divertir, o RPG vem se mostrando como mais um recurso com fins pedagógicos, que permite desenvolver habilidade necessárias para a formação de um indivíduo crítico e criativo”.

 

Pesquisador e incentivador do uso do RPG no ambiente de ensino, Danilo Lemos é autor de um projeto que visa implementar a utilização do jogo em sala de aula de forma interdisciplinar. O jogo em si desenvolve as múltiplas inteligências das pessoas, entre elas a lingüística, lógico-matemática, espacial e pictórica, cada uma ligada a uma etapa ou aspecto do jogo. “A lógico-matemática, por exemplo, está associada ao raciocínio dedutivo e à habilidade com números e símbolos, que pode se apresentar na resolução das situações problemas apresentadas no decorrer de um jogo”, explica o professor.

 

 

 

 

 

Imaginação

 

“O jogo de RPG parece uma peça teatral, mas com cenários e personagens imaginários. A única limitação é própria imaginação”, explica o jogador Paulo Ricardo. O filme O Senhor dos Anéis e o desenho ‘Caverna do Dragão’ são exemplo de histórias que se baseiam na idéia do jogo de interpretação, em que um mestre dita as regras e os participantes executam com o objetivo de vencer a partida, que pode durar uma hora ou dias, intercalados com intervalos para descanso.

 

Aquiles Gonçalves, Paulo Ricardo, Roberval de Santana e Michael Agrinoel: fãs de RPG
Histórias medievais, fantasiosas ou históricas, não importa o tema, o que vale mesmo é a criatividade é a satisfação proporcionada pelo passatempo, que pode ser praticada por pessoas a partir de 12 anos. Do inglês Role Playing Game (Jogo de Interpretação de Papéis), é um jogo de estratégia e imaginação, em que os jogadores interpretam diferentes personagens em diferentes mundos, vivendo aventuras e superando desafios de acordo com as regras descritas no sistema escolhido.

 

O RPG é um jogo interativo que exige interpretação dos jogadores, mas dependendo da intensidade da aventura, pode causar estranheza para quem observa. “Há alguns anos atrás existia um preconceito maior que hoje. Quando eu comecei a jogor em casa, meus pais achavam esquisito e não gostavam da gritaria. Mas hoje o RPG já está mais popular”, explica Roberval de Santana, jogador há quase dez anos.

Para quem não conhece o Role Playing Game (RPG) uma boa oportunidade de se familiarizar com o assunto é ir ao Dia D RPG Brasil e conferir a extensa programação, que irá proporcionar muita diversão com o concurso de Karaokê e concurso de Cosplay (fantasias de personagens de jogos, desenhos animados e filmes). Você pode ainda acessar os sites www.rpgonline.com.br , www.rederpg.com.br e www.devir.com.br , ou clique aqui.

 

Confira a programação completa:  

  

Dia 10

09h às 18h

Exibições de animes

Games

Mesas livres para narrativa

Feira de Fanzines

Exposições

Mesas livres para duelistas

Animekê livre

Aventuras oficiais do evento

Caricatura ao vivo

 

Dia 10

13h às 17h

Caricatura ao vivo

Animekê livre

Aventuras oficiais do evento

 

Dia 10

13h às 18h

Torneio de Magic

 

Dia 10

13h às 14h30

Anime Quiz

 

 

 

Dia 10

14h30 às 15h30

Oficina de Quadrinhos

 

Dia 10

15h às 16h. 

Palestra sobre RPG com o prof. Danilo Lemos

 

Dia 10

15h30 às 18h. 

Desafio D&D Tradicional

 

Dia 11

09h às 18h 

Exposições

Games

Feira de Fanzines

 

 

Dia 11

9h às 15h30. 

Mesas livres para narrativa

    

Dia 11

9h às 12h. 

Exibições de Animes

Aventuras oficiais do evento

Caricatura ao vivo

Mesas livres para duelistas

Animekê livre

 

Dia 11

10h às 12h 

Campeonato de ilustrações

 

Dia 11

10h30 às 11h30

Caça ao Tesouro 

 

Dia 11

13h às 16h 

Aventuras oficiais do evento

Animekê livre

Arena dos super-heróis

RPG Quiz

 

Dia 11

13h às 18h 

Torneio de Pokemon

Arena do Apelão

Caricatura ao vivo

 

Dia 11

13h às 14h 

Vídeo-conferência com Douglas Quinta Reis (Devir) 

 

 

 

Dia 11

14h às 15h 

Exibições de Animes

 

Dia 11

15h às 16h 

Vídeo conferência com carlos eduardo e maria zanini

 

Dia 11

16h às 17h30

Concurso de Cosplay 

Comentários