Exposição retrata evolução do Arraiá do Arranca Unha

0

Exposição está aberta até o dia 29 (Foto: Ascom/Secult)

Uma rica história de tradição junina. É assim que se pode denominar o Centro de Criatividade, um espaço que há 25 anos dá brilho ao bairro Getúlio Vargas, com seus festivais de quadrilha no famoso Arraiá do Arranca Unha. Pensando nisso, até o dia 29 deste mês, as pessoas que forem ao Centro poderão conferir uma exposição fotográfica com todas as edições do Arraiá.

A festa foi idealizada pelo líder comunitário João Cruz nos anos 50. Em 1986, o Arraiá passou a ser incorporado ao Centro de Criatividade (um ano após a inauguração do espaço). Ao longo dos anos, o evento foi evoluindo e ganhando maior público a cada edição. “São pessoas que vêm de toda parte do estado para conferir a competição entre os quadrilheiros”, afirmou o diretor do Centro, Isaac Galvão.

Segundo ele, o enriquecimento da festa é notado em vários quesitos, como na confecção das fantasias, na montagem das coreografias e na interação entre público e quadrilheiros. “Através desta exposição, nós queremos mostrar a evolução das quadrilhas juninas que participaram do Arraiá. É interessante notar como muita coisa mudou ao longo desses anos, seja na vestimenta, no cabelo, na maquiagem. A evolução é nítida”, frisou o diretor.

Os interessados podem visitar a exposição de segunda a sexta, das 8h às 22h, no Centro de Criatividade, na rua Saturnino de Brito, s/n, bairro Getúlio Vargas. As fotos são de Marcel Nauer e também do acervo fotográfico da Secretaria de Estado da Cultura (Secult). Para mais informações entre em contato com o número (79) 3179-1909.

Fonte: Secult

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais