Festejos juninos retratados e pintados à óleo

0

Os festejos juninos retratados sob a ótica de artistas plásticos. Este foi o foco principal da exposição Coletiva Junina, que foi aberta ontem, 7, na galeria Álvaro Santos, promovida pela Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Esportes (Funcaju). A exposição ficará aberta ao público durante todo o mês de junho, já fazendo parte do calendário cultural da capital sergipana, juntamente com o Fórum do Forró e o Forró Caju, que será aberto no próximo dia 17 e termina dia 29.

Essa exposição vem sendo realizada há dez anos e já se mostrou em vários formatos. De acordo com o diretor da galeria, Fernando Cajueiro, diversos artistas foram convidados para participarem do evento, dentro da temática junina. Estão sendo expostas 31 obras, de 23 artistas sergipanos e de outros estados, sendo que alguns artistas participam com mais de um trabalho. “Essa foi a maneira que a Funcaju encontrou para focalizar, registrar, grifar, valorizar o que nós temos de mais importante, que são os festejos juninos”, disse Cajueiro.

Na noite de abertura, o público prestigiou os diversos artistas presentes, reconhecendo  talentos e interagindo através de opiniões, valorizando cada vez mais o trabalho e a cultura sergipana.

Por Valéria Bezerra

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais