Governo abre edital para projetos do Carnaval 2010

0

Foto: André Moreira (ASN)
O Governo de Sergipe, através do Fundo Estadual de Patrocínio para Projetos Sócio-Culturais e de Comunicação Social (Fepcs), abriu na última segunda-feira, 11, o prazo para apresentação de propostas de patrocínio de eventos a serem realizados durante o carnaval 2010. Os projetos devem ser encaminhados ao Fundo, pessoalmente, por procurador habilitado ou pelos Correios via AR até as 18 horas do dia 26 de janeiro.

O Fundo de Patrocínio foi criado pela Secretaria de Estado da Comunicação Social (Secom) em dezembro de 2007 para apoiar a execução de projetos que fomentem a cultura e o turismo locais. Podem participar da seleção entidades públicas ou privadas sem fins lucrativos, que venham a desenvolver eventos socioculturais de fomento à cultura e ao turismo que necessitem de apoio financeiro.

Os gestores devem encaminhar as propostas sob a forma de projeto em conformidade com o modelo do anexo I do edital. Os projetos deverão apresentar o orçamento total do evento, a solicitação específica e a contrapartida financeira da entidade. Além disso, o pedido deve estar claramente caracterizado como evento cultural voltado para a comemoração dos festejos de carnaval do Estado de Sergipe.

As propostas serão analisadas pelo Conselho Gestor do Fepcs de 27 a 29 de janeiro e os resultados divulgados no dia 1º de fevereiro na Agência Sergipe de Notícias (ASN). Os projetos aprovados serão financiados com recursos oriundos do orçamento de 2010 do Fundo, a serem liberados de acordo com a disponibilidade orçamentária e financeira da Secom. Outras informações poderão ser obtidas através dos telefones (0xx79) 3216-8102 e 3216-8103, das 8h30 às 18h.

EDITAL CARNAVAL 2010

ORIENTAÇÕES PARA ELABORAÇAO DE PROJETOS PARA O CARNAVAL 2010

ANEXO I – CARNAVAL 2010

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais