Lançamento do projeto Arte do Fogo

0
(Foto: divulgação)

Na próxima terça-feira, 30, ocorrerá o lançamento do projeto Arte do Fogo. O evento ocorrerá na praça Olímpio Campos no município de Itabaianinha. O projeto Arte do Fogo é patrocinado pelo BNDES, BNB e Governo Federal através do Programa BNB de Cultura – Edição 2011, e com a parceria da prefeitura municipal e da secretaria de cultura.

Durante o evento será promovida uma exposição e o lançamento do catálogo homônimo ao projeto. Este material é o resultado das interações e encontros culturais ocorrido entre os meses de junho e agosto, com os artesões do povoado Poxica, através do artista visual Elias Santos e a arte-educadora Silvane Azevedo, os quais fizeram a mediação e mapeamento desses artesões.

O catálogo ilustrará toda a riqueza cultural das peças produzidas pelas louçeiras do povoado Poxica, que fica a sete quilômetros de Itabaianinha, localizada na região Sul de Sergipe, a 118 km da capital. “Esse impresso será distribuído gratuitamente e servirá também para criar uma via de contato entre os artesões e o público, visando sua circulação, além de valorizar a cultura desse povo, que tem suas raízes na cultura indígena”, afirma Silvane Azevedo, coordenadora do projeto.

BNB de Cultura

O Programa BNB de cultura foi criado pelo Banco do Nordeste em 2005, com o objetivo de democratizar o acesso aos recursos disponíveis para financiamento de ações culturais, desenvolvidas em benefício da Região Nordeste, norte de Minas Gerais e norte do Espírito Santo, sua área de atuação. Durante suas cinco edições foram patrocinados 1.131 projetos, beneficiando diretamente 474 municípios.

O Programa BNB de Cultura vem priorizando a cultura do Nordeste e a do norte dos Estados de Minas Gerais e Espírito Santo, considerando que estão inseridas na cultura brasileira e universal. De acordo com as prioridades políticas apontadas pela conferência nacional de cultura e pelo Governo Federal para a cultura, o Programa está focado na facilitação do acesso da comunidade aos instrumentos, equipamentos e meios de produção de bens culturais, bem como intercâmbio com outras culturas, na formação de novas platéias e de cidadãos críticos e conscientes, na ampliação e na democratização das oportunidades de criação, circulação e fruição dos bens culturais, bem como na promoção, proteção e transmissão da diversidade cultural.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais