Medalha do Mérito Cacesiano é entregue a casal que vive há 25 anos em Sergipe

0

Casal chegou a Sergipe em 1974 e foi homenageado com medalha
O casal Sérvulo Sampaio Nunes e Sandra Coelho recebeu a medalha do Mérito Cacesiano, oferecida pela Casa do Cearense em Sergipe (Cacese). A solenidade de entrega ocorreu na noite da última quinta-feira, 18, na Academia Sergipana de Letras e contou com a presença de amigos do casal e de intelectuais.

Sérvulo e Sandra moram em Sergipe há mais de 25 anos, onde realizam, cada um em sua área, uma grande atuação em prol do desenvolvimento do Estado.

Sérvulo é médico ginecologista/obstetra graduado pela Universidade Federal de Pernambuco em 1971. Veio a Sergipe três anos depois, onde trabalhou em diversos municípios do interior, chegando a ser diretor do Hospital Nossa Senhora da Conceição.

Cerimônia ocorreu na Academia Sergipana de Letras
O cearense foi, ainda, Secretário de Serviços Previdenciários do INSS, Presidente do IPES, Secretário Adjunto da Saúde do Estado, presidente da Fundação Hospitalar de Sergipe, Secretário de Estado de Articulação com os Municípios, secretário de Estado de Assuntos Parlamentares, diretor Técnico do Hemolacen e atualmente é diretor operacional da Fundação de Saúde Parreiras Horta.

Sandra Maria Coêlho Nunes é bióloga formada pela Universidade Católica de Pernambuco, pedagoga, pós-graduada em administração de recursos humanos, com formação holística, está em Sergipe também desde 1974. Entre outras funções, Sandra ocupou o cargo de assessora do vice-governador Antonio Carlos Valadares, em 1985, e foi chefe de gabinete do prefeito Jackson Barreto.

Além disso, passou pela Secretaria de Articulação com os Municípios, onde foi chefe de gabinete, e na Fundação Hospitalar, onde foi consultora técnica.

Comentários