Museu da Gente Sergipana reabrirá para visitação no domingo, dia 24

0
Após mais de um ano de portas fechadas por conta da pandemia, MGS retomará atividades com novas regras para visitação segura (Foto: Museu da Gente Sergipana)

O Museu da Gente Sergipana Governador Marcelo Déda retomará seu funcionamento a partir do dia 24 de outubro, em homenagem ao Dia da Sergipanidade. Considerado um dos mais importantes equipamentos culturais e turísticos de Sergipe, o museu, que é mantido pelo Banco do Estado, voltará a realizar suas atividades de forma presencial seguindo protocolos e regras que garantam a segurança do público e dos funcionários.

Percorrer ambientes que traduzem Sergipe, interagir com seus personagens, brincar a cultura popular e ter experiências sensoriais inesquecíveis continuarão compondo a magia de uma visita ao Museu da Gente Sergipana, mas agora com novas orientações.  Dentre elas, o uso adequado da máscara, a utilização constante de álcool gel, o cumprimento do distanciamento social e a utilização de QR Codes que disponibilizam o conteúdo completo de algumas instalações.

Para garantir o quantitativo seguro de pessoas no mesmo ambiente, a capacidade máxima de visitantes será reduzida, sendo necessário o agendamento para grupos a partir de dez pessoas, através do site https://ingressos.museudagentesergipana.com.br/. A visitação individual também poderá ser agendada, mas não é obrigatória. A instituição também adotará um calendário provisório de funcionamento, recebendo o público de terça a sábado, das 10h às 15h.

Durante esse longo período de portas fechadas, o Instituto Banese, seu administrador, aproveitou para implementar diversas melhorias, a exemplo da atualização do parque tecnológico, manutenção do prédio, catalogação de todo acervo, além da criação do tour virtual, que possibilitou pessoas de todo o mundo realizarem um passeio em 360º pelo museu.

O diretor superintendente do Instituto Banese, Ezio Déda, anuncia a reabertura do museu e a continuidade das ações de forma presencial com satisfação. “O Instituto Banese aguardou o momento adequado para reabrir as portas do museu, garantindo segurança por meio de todos os cuidados ainda necessários. Foi mais de um ano sem visitação, mas sabemos que durante esse período as nossas atividades culturais não pararam. Agora, com as adaptações necessárias, seguiremos exercendo nosso papel de valorizar e fomentar a cultura sergipana através desse equipamento de grande relevância cultural “, afirma.

Embora o museu tenha permanecido de portas fechadas ao longo de mais de um ano, muitas janelas foram abertas para que o público continuasse a celebrar a cultura e o artista sergipano seguisse expressando sua arte. Editais, oficinas, lives e programas de TV compuseram um cenário de identidade cultural, ludicidade e entretenimento mesmo em meio à pandemia.

Para saber mais sobre as novas regras de funcionamento acompanhe as redes sociais @institutobanese e @museudagentesergipana_oficial.

Fonte: Museu da Gente

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais