Pré-Caju retorna em outubro na Orla de Atalaia

0
Pré-Caju (Foto: Arquivo Portal Infonet)

Após seis anos sem realizar o Pré-caju, um dos organizadores da tradicional prévia carnavalesca, Fabiano Oliveira, informou ao Portal Infonet que estudos estão sendo realizados para que a festa volte a acontecer este ano. A prévia deve acontecer em outubro, no final de semana que antecede o feriado de Nossa Senhora Aparecida – dia 12 de outubro – na Orla de Atalaia.

Fabiano Oliveira, organizador do evento, disse que as conversas serão iniciadas com os órgãos públicos e com o trade turístico para o retorno do Pré-caju (Foto: Arquivo Portal Infonet)

De acordo com Fabiano, estudos estavam sendo feitos para o Pré-Caju acontecer indoor – festa em um circuito fechado – no entanto, a expectativa é que o evento seja realizado na orla de Atalaia. “A ideia de fazer a festa na Orla surgiu a partir de um pedido da Associação dos Bares e Restaurantes de Sergipe (Abrasel/Se) e da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis em Sergipe (ABIH-SE) que nos enviou um ofício com essa solicitação”, diz.

Fabiano conta que, se confirmada, a festa acontecerá na Orla, saindo da Passarela do Caranguejo até a Praça de Eventos, e lá ocorrerá shows fechados. “Com o desfile do Bloco Vumbora no sábado (25) percebemos que é fundamental que a festa aconteça nas duas vias, um para o bloco e outro para a pipoca e os ambulantes, dessa forma todos podem aproveitar a festa. Outra coisa que notamos foi o horário, os blocos saindo à tarde fica melhor. O desfile começaria às 14h e encerraria às 22h. Dessa forma o trânsito ficaria liberado às 22 horas e a festa na Praça de Eventos seria fechada, com segurança privada e não atrapalharia a circulação de veículos”, explica.

Ainda segundo o organizador, ainda essa semana ele deve procurar os órgãos públicos para conversar sobre a viabilidade do retorno da festa. “Se de fato o Pré-Caju voltar a acontecer, é bom lembrar que a festa será privada e terá o apoio logístico da Prefeitura de Aracaju e Governo do Estado, mas não terá recursos públicos para sua realização”, afirma.

Fabiano acredita que após o carnaval a organização já terá uma definição sobre a realização do Pré-Caju. “Vamos iniciar a conversa com os órgãos e acredito que após o carnaval teremos essa definição até porque precisamos organizar o evento e fazer a divulgação nacional”, diz Oliveira que fala da escolha da data para a realização do evento. “Pensamos em fazer a festa nos dias 10 e 11 de outubro porque na segunda-feira é dia 12, feriado nacional, portanto, há a possibilidade de atrair mais pessoas para o Estado, aquecendo nosso turismo e economia, mas, ainda não há nada definido, o que há é a possibilidade. Estamos fazendo os estudos e vamos conversar com os órgãos competentes e com o trade turístico”, conclui.

Abrasel

O presidente da Abrasel, José Augusto de Carvalho, confirmou que solicitou a organização do evento que se a festa voltar a acontecer, que seja na Orla. “Sergipe precisa de eventos para atrair os turistas. Temos belezas naturais, mas eventos também atraem turistas, então entendemos que quanto mais eventos acontecerem, melhor para a economia. Hoje nós perdemos vários eventos na Orla, e precisamos que os eventos voltem a acontecer lá. Nesses dois últimos finais de semana, com a festa que aconteceu, tivemos um aumento de 30% no faturamento dos bares e restaurante, não apenas no eixo da festa, mas em toda a cidade”, informa.

Pré-Caju

Criado em 1992, o Pré-Caju teve início com o desfile de um único bloco e com o passar dos anos foi aumentando e ganhando proporções. O Pré-Caju já foi considerado a maior prévia carnavalesca do país chegando a reunir mais de 300 mil pessoas por noite. Em 2014 aconteceu a última edição da festa que por falta de patrocínio deixou de ser realizada.

Por Karla Pinheiro

 

Comentários