5% dos trabalhadores ainda não retiraram o PIS

0

A pouco mais de um mês do fim do prazo para o pagamento do abono social (PIS/Pasep), 743.863 brasileiros ainda não foram receber o salário extra a que têm direito. Esse valor equivale a cerca de 5% dos 14,18 milhões de trabalhadores que podem receber o benefício, no valor de R$ 415.

De 1º de julho de 2007 até agora já foram pagos quase R$ 5 bilhões provenientes do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT). Apesar disso, o ministro do Trabalho, Carlos Lupi, afirmou que a expectativa é alcançar o recorde de 97% de abonos pagos, referentes ao ano-base de 2006.

No exercício anterior, 2006/2007, quando foi pago o abono referente ao ano de 2005, a cobertura foi de 94,84%, o que significa que 11,14 milhões de trabalhadores receberam o benefício. Se a estimativa para este ano for alcançada, esse número deve alcançar 13,76 milhões de pessoas.

Tem direito a receber o Pis/Pasep todo brasileiro cadastrado há pelo menos cinco anos e que tenha trabalhado trinta dias com carteira assinada em 2006, com até dois salários mínimos registrados. Os interessados em saber se pode receber a quantia devem ir às agências da Caixa Econômica Federal (CEF).

“Então é só ele pegar a sua carteira de trabalho, que tem o número do PIS, e ir a qualquer agência da CEF, para receber um salário mínimo, que são hoje R$ 415, que faz falta para todo mundo”, explicou Lupi.

O dinheiro destinado ao pagamento do PIS/Pasep, que não for usado, volta ao FAT. “Individualmente, quem não saca, perde, mas o trabalhador como um todo, não, porque isso vai para o bolo, hoje nós temos cerca de R$ 170 bilhões de recursos nesse fundo de amparo”, concluiu o ministro. <!– .replace("

“,””).replace(“

“,””) –>

Fonte: Agência Brasil

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais