Arrecadação de impostos tem crescimento de 10,25% em cinco meses

0

A arrecadação dos impostos e contribuições, recolhidos pela Receita Federal do Brasil (RFB) atingiu R$ 50,431 bilhões em maio e R$ 271,925 bilhões de janeiro a maio deste ano. De acordo com dados da RFB, o crescimento de janeiro a maio de 2008 foi 10,25% maior que o registrado no mesmo período de 2007. Nesse crescimento, já está descontada a variação do Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), o índice oficial de medição da inflação.

Entre os impostos que apresentaram maior arrecadação, está o Imposto sobre Operações Financeiras (IOF), que cresceu 150,18% no período de janeiro a maio deste ano. Esse aumento é devido, principalmente, às mudanças na cobrança da alíquota do imposto. A arrecadação do Imposto de Renda da Pessoa Jurídica (IRPJ) cresceu 22,14% e da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL), 21,98%.

De acordo com a Receita, o resultado nos cinco primeiros meses do ano se deve ao crescimento de 15% no volume geral de vendas, sendo que, isoladamente, a venda de veículos no mercado interno teve aumento de 24,7%. Outro fator foram os 7% de crescimento da produção industrial nos últimos 12 meses e de 7,3% no período de janeiro a abril deste ano, na comparação com o mesmo período do ano anterior.

A Receita destaca ainda aumento de 46,82% no valor, em dólar, das importações no período de janeiro a maio deste ano em relação aos cinco primeiros meses de 2007. Foi registrado também aumento de 14,37% na massa salarial dos trabalhadores de dezembro de 2007 a abril de 2008, na comparação com o período que vai de dezembro de 2006 a abril de 2007.

Fonte: Agência Brasil

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais