Assentamentos recebem mais de R$ 7,3 milhões em habitação

0

O Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) investiu R$ 7,3 milhões nos meses de maio e junho em Sergipe. Mais de 1.230 famílias foram beneficiadas, em 28 projetos de assentamento (PA´s), com construção e recuperação de casas.

 

Em um período de 45 dias, a autarquia federal empregou mais de R$ 3,3 milhões na construção de moradias, sendo R$ 7 mil por família, em 16 PA´s criados entre o final de 2007 e o primeiro semestre deste ano. Um valor que, em oito dos 16 PA´s, recebeu, ainda, um acréscimo de mais de R$ 1 milhão em recursos da Caixa Econômica Federal (CEF), assegurando condições ainda melhores para as famílias.

 

Em assentamentos mais antigos foram investimentos mais de R$ 3 milhões disponibilizados por meio do Crédito Recuperação. Ao todo, 763 famílias estão recebendo R$ 5 mil para a reforma e a recuperação das suas moradias, construídas durante a fase de instalação em 12 PA´s. Os recursos só podem ser investidos na contratação de mão-de-obra e na aquisição de materiais de construção, e o Incra fiscaliza diretamente a aplicação do dinheiro pelas famílias.

 

Jacaré-Curituba

 

Além dessas famílias que receberam recursos para reforma, a partir do mês de maio outras 630 assentadas no maior PA criado em Sergipe, o Jacaré-Curitiba, também foram contempladas com os recursos do Crédito Recuperação. Incra e Cehop estão trabalhando para licitar a compra dos materiais e realizar o acompanhamento das obras.

 

As licitações para a compra de materiais já foram concluídas, mais de 80 casas estão reformadas e outra centena está com as obras em andamento. Os trabalhos de reforma e recuperação de casas deverão ser totalmente concluídos até o mês de agosto.

Comentários