Banese evoluiu 2.306,9% em desembolsos do BNDES

0

De acordo com recente divulgação do relatório de desempenho do Sistema BNDES – no segmento de Micro, Pequenas e Médias Empresas (MPME), os desembolsos do Banese tiveram a maior evolução entre os bancos públicos brasileiros, atingindo 2.306,9%. Os dados são referentes ao período de janeiro a outubro de 2010 em comparação com o mesmo período do ano passado, representando uma média bem acima da evolução dos demais bancos públicos, que foi de apenas 113,1%.

O relatório do BNDES retrata as instituições que mais repassaram suas verbas para Micro, Pequenas e Médias Empresas, observando seu importante papel na criação de empregos e geração de renda. A primeira colocação ficou com o Banese, demonstrando também a expansão da capacidade produtiva do setor em Sergipe, que vem apresentando um crescimento mais equilibrado. No 2º lugar ficou o Banco do Nordeste com uma evolução de 2.197,6% e em 3ª lugar o BRB (Banco de Brasília) que cresceu 260,7%.  

Ainda segundo a divulgação os desembolsos do Banese saltaram de R$ 400 mil para R$ 9,1 milhões. Se considerarmos os bancos e agentes financeiros públicos e os privados, ainda assim o Banco do Estado de Sergipe ocupa a 2ª posição em evolução nos desembolsos do BNDES, ficando atrás somente do BMG LS que evoluiu em 2.565,1%, sendo que a média de evolução do segmento privado foi de 108,6%, como demonstra a tabela a seguir: (Gráfico anexo)

Para o Diretor de Crédito de Desenvolvimento do Banese, Edson Caetano, as ações prospectivas do banco e a agilidade no atendimento das demandas dos clientes, contribuíram para esta significativa evolução dos desembolsos no sistema BNDES. “É o banco dando o seu contributivo para Sergipe. Estamos prontos para atender as demandas desses recursos para os sergipanos, cumprindo nosso papel de banco múltiplo e de desenvolvimento”, afirmou Edson Caetano.

Já na opinião do presidente do Banese, Saumíneo Nascimento, esta evolução dos desembolsos do BNDES pelo banco, colocando-o em 1º lugar entre os bancos públicos, é a prova do crescimento da economia sergipana, com participação direta do Banese nesse processo. “Agora o nosso desafio é continuar avançando no atendimento deste importante segmento da economia sergipana”, concluiu Saumíneo Nascimento.

Fonte: Banese

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais