Comércio espera crescimento de 5% no ‘Dia dos Pais’

0

Expectativa é das melhores
A expectativa é boa e os lojistas esperam aumentar as vendas entre 3 a 5% no Dia dos Pais se comparado ao mesmo período do ano passado. A afirmativa é do presidente da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas (FCDL), Gilson Figueiredo, ao revelar a tendência do comércio diante da data comemorativa.

Tida como a terceira melhor data para as compras, o Dia dos Pais aquece vários segmentos do varejo. Conforme Gilson, em algumas situações lojistas deverão superar o percentual de vendas entre 3 a 5%.


“Roupas, calçados, relógios, perfumes, aparelhos eletrônicos, celulares, certamente terão um maior pique de venda, pois estão entre os preferidos da população”, diz o presidente da FCDL, acreditando que o patamar, nestes casos, pode ultrapassar a 12%.

Para ele, além da situação motivacional que fazem os clientes comprarem presentes para seus pais, a estabilidade da moeda e os prazos para pagamentos – crediário – vão facilitar a ida dos sergipanos ao comércio, aquecendo a economia.

Outro fator importante revelado por Gilson Figueiredo é a tendência de um maior volume de vendas no segundo semestre. “Anualmente o maior pico de vendas sempre é registrado de julho em diante e o Dia dos Pais dá o pontapé inicial deste aquecimento”, finaliza.

Comentários