Duas refinarias em construção no Nordeste

0

Alvo de criticas severas do mercado, os investimentos bilionários da Petrobras em duas refinarias nos Estados do Ceará e do Maranhão começaram a sair do papel, com a contratação dos serviços de terraplenagem da unidade maranhense.

No caso da planta cearense, o governo do Estado finalmente assinou um acordo com a tribo Anacé, liberando a área que se encontrava em conflito com as terras reivindicadas pelos indígenas, para a construção da refinaria, no municipio de Caucaia. No entanto, apesar dos avanços, ainda suscitam dúvidas quanto a sua continuidade. Segundo fontes do setor, a depender do resultados das eleições, os projetos podem ser arquivados.

A Petrobrás argumenta que a opção de investir US$ 32 bilhões nos próximos cinco anos para modernizar suas refinarias e construir mais quatro – em Pernambuco, no Rio de Janeiro, Ceará e Maranhão – faz parte da estratégia de agregar valor ao petróleo que será produzido no pré-sal, para depois exportá-lo.

Por Ivan Valença

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais