Em busca de emprego? Veja onde cadastrar currículo e procurar ajuda

0
Confira onde procurar ajuda para integrar o mercado de trabalho (Foto: pixabay)

Não é novidade para ninguém que conseguir um emprego está difícil. Dados mais recentes do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) apontam que há no Brasil mais de 13 milhões de pessoas desempregadas. Sergipe não foge à regra dessa realidade. O Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) afirma que a taxa de desemprego em Sergipe gira em torno de 15%, portanto, maior que a média nacional.
Para ajudar nas buscas por uma vaga no mercado de trabalho há órgãos especializados que dão ‘aquela forcinha’ cadastrando currículos e entrando em contato com empresas parceiras que estão dispostas a ajudar oferecendo uma oportunidade de serviço. Abaixo você confere uma lista de sites e núcleos que fazem essa ponte entre trabalhador e empresa.

Fundação Municipal de Formação para o Trabalho (Fundat): O órgão é ligado à Prefeitura Municipal de Aracaju (PMA) e conta com uma ‘Agência do Trabalhador’. Essa agência funciona como um canal de comunicação entre empresas que desejam contratar mão de obra e a pessoa desempregada. Para se cadastrar na agência é preciso que o trabalhador compareça a sede da Fundat, que fica localizada no calçadão da Rua João Pessoa, 127, centro da capital, portando os seguintes documentos: uma cópia do currículo, RG e CPF. O cadastro é feito de maneira gratuita. Ao se cadastrar, a pessoa entra no banco de dados da Fundat e pode ser selecionada a qualquer momento para a vaga de emprego desejada. Para outras informações, é só entrar em contato através do número: (79) 3179-1331.

Centro de Integração Empresa-Escola: (CIEE): Criado no Estado de São Paulo, o CIEE está presente em todos os estados do Brasil. Aqui em Sergipe ele fica localizado na Rua Sílvio Cézar Leite, 116, no bairro Salgado Filho. O CIEE também serve de ponte entre os estudantes que buscam oportunidades de estágio ou aprendizagem e as empregas que almejam investir no público jovem. Para aderir o cadastro do CIEE é preciso que o estudante acesse a página oficial (https://portal.ciee.org.br/), clique na categoria “Estudantes” e preencha um currículo on-line. Ao se cadastrar, o estudante irá fazer parte do banco de dados do CIEE que, por sua vez, irá cruzar os dados descritos pelo aluno com o perfil de vaga ofertado por uma empresa parceira da entidade. Caso ambos os perfis se coincidam, o aluno recebe uma mensagem de texto via SMS informando os dados da vaga de emprego. A partir daí, caso aceite a vaga, a empresa responsável irá conduzir o processo de recrutamento. Podem participar desse processo de triagem estudantes do nível fundamental, médio, superior ou técnico. Para outras informações, é só entrar em contato pelo número: (79) 3003-2433.

Núcleo de Apoio ao Trabalhador (NAT): O NAT atua na inserção de pessoas no mercado de trabalho através do serviço de intermediação de mão de obra. Ele também serve de ponte, intermediando a relação entre empresas que disponibilizam vagas e os candidatos, encaminhando-os para seleções de emprego. O NAT oferece ainda cadastro do Sistema Nacional de Emprego (SINE), para jovens e adultos que desejam o primeiro emprego ou reinserção no mercado de trabalho. As pessoas interessadas em se candidatar a uma vaga de trabalho deverão procurar, das 7h às 13h, o NAT Matriz, com os seguintes documentos: cadastro do SINE (carteira de identidade, CPF e comprovante de residência – todos originais); ou qualquer outro ponto de atendimento do NAT. Em todo o estado, há 12 unidades o Núcleo de Apoio ao Trabalho (NAT), nos municípios de Aracaju, Boquim, Canindé de São Francisco, Estância, Itabaiana, Lagarto, Neópolis, Nossa Senhora do Socorro e Simão Dias. Só na capital, são quatro pontos de atendimento, localizados nos CEACs do Riomar e da Rodoviária Nova (funcionamento das 07h às 17h); no Espaço Zé Peixe (das 07h às 16h); e o NAT Matriz, localizado na Rua Santa Luzia, nº 680, bairro São José (das 07h às 13h). Mais informações podem ser obtidas através dos telefones (79) 3222-6294 e 3222-6242.

Centro de Emprego e Estágio (Cempre): Outra alternativa à disposição daqueles que querem ser inseridos no mercado de trabalho é o Cempre. O órgão também faz a ponte entre empresas parceiras e aqueles que buscam uma oportunidade. Quem procura vagas de emprego tem que pagar uma taxa de R$30 para que o currículo fique durante três meses no banco de dados da empresa. Ao longo desse tempo, o Cempre também atua na divulgação da vaga desejada nas redes sociais. Uma vez conseguida a vaga, o Cempre encaminha uma carta de encaminhamento contento o dia, horário e a empresa que se interessou pelo perfil do candidato. Para quem deseja uma vaga de estágio o procedimento é mesmo, no entanto, não é cobrada a taxa de R$ 30. Os currículos podem ser enviados presencialmente na sede do Cempre, localizada da rua Monsenhor Silveira, 394, bairro São José. O horário de funcionamento é de segunda sexata, das 08 às 17h (não fecha para almoço). Ou ainda através do e-mail: vagas@cemprerh.com.br. Para outras informações é só entrar em contato por meio do número: (79) 3211-1439.

por João Paulo Schneider  e Raquel Almeida

Comentários