Encontro de catadores discute políticas públicas para a área

0

Encontro reuniu catadores de materiais recicláveis de todo o Estado (Fotos: Portal Infonet)
Centenas de catadores de materiais recicláveis se reuniram na manhã desta quinta-feira, 7, para discutir políticas públicas e projetos para as cooperativas do Estado. O evento que acontece durante todo o dia de hoje no clube da Petrobras é promovido pelo Movimento Nacional dos Catadores de Materiais Recicláveis (MNCR). Na ocasião estiveram presentes cooperados e não cooperados das cidades da Barra dos Coqueiros, Socorro, Brejo Grande, Lagarto, Aracaju, além de Estância e Itabaiana.

A programação envolve uma mesa redonda entre Ministério Público, Justiça Federal, Município e Estado, além do MNCR. Através dessa discussão vai haver um documento de Sergipe para o Movimento discutir as reivindicações nacionalmente.

De acordo com o coordenador do programa de Defesa Comunitária do Ministério Público José Soares de Aragão, o evento é nacional e acontece em todos os Estados do país em datas diferentes. “O objetivo é estar discutindo e trazendo os problemas e informações das políticas públicas e discutindo as questões da coleta seletiva”, diz.

Ubiratan destacou a dificuldade de integrar a todos
O representante do Movimento Nacional Ubiratan Santos Bárbara conta que o objetivo é para que as organizações de catadores não fiquem de fora dos projetos do governo federal.  “Lá na Bahia, em Salvador, nossa Cooperativa de agentes Canabrava (CAEC) hoje é formada por 230 cooperados. Estamos conseguindo ampliar, pois nosso começo foi difícil, tínhamos quase 1000 pessoas, mas o projeto só contemplou 100 cooperados”, comenta.

Para auxiliar os catadores que desejam se organizar a Universidade Federal de Sergipe (UFS) criou o Núcleo da Unitrabalho. Segundo a professora Conceição Vasconcelos, o auxílio é feito através de uma incubadora tecnológica que da assessoria aos catadores. “Hoje acompanhamos a Care e os catadores do Coqueiral (Ascoq). A incubadora da

O evento acontece em datas diferentes em outros Estados do país
suporte, organização, e ensina como fazer um empreendimento. Quem quiser organizar deve procurar o núcleo da Universidade que fica na Rua Lagarto, 952 e pelo telefone 3302-5960”, informa.

Para Vaneide Ribeiro Santos da Care e representante do Movimento Nacional no Estado, a idéia é realmente se organizar. “A gente pegou pessoas do antigo lixão do Santa Maria e da Care para que a gente faça um plano organizado de todos. Esperamos até conseguir organizar os outros catadores do Estado, pois ele só podem ser contemplados com os projetos”, ressalta.

Por Bruno Antunes

 

 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais