Lula lança Plano de Desenvolvimento Produtivo

0

Lula lança plano de desenvolvimento / Foto: Valter Campanato
O Governo Federal lançou o Plano de Desenvolvimento Produtivo, visando recuperar as exportações brasileiras e o próprio investimento dentro do país. O plano prevê uma renuncia fiscal de R$ 21,4 bilhões até o ano de 2011. São quatro metas principais que devem ser alcançadas, o que significa uma injeção na economia de algo em torno de R$ 298 bilhões até o ano limite do Plano.

 

A política industrial brasileira está precisando de um plano assim, porque com os juros altos praticados no mercado interno, e com ameaça de mais reajuste por conta de ameaças da inflação, e no dólar a preços cada vez mais baixos, há o perigo real de as empresas sofrerem uma queda fora dos limites normais. O investimento fixo do país vai passar de 16,8%, atualmente, para 21% do Produto Interno Bruto.

 

O salto das vendas externas também é pomposo: de R$ 160 bilhões para R$ 210 bilhões no início de 2011. O Financiamento de máquinas e equipamentos (Finame) vai expandir o prazo de financiamento de 5 para 10 anos. Isso evita até o “envelhecimento” das indústrias numa época em que a tecnologia avança com a tecnologia a jato.

 

Por Ivan Valença

Comentários