Mais de 59 mil contribuintes declararam Imposto de Renda em Sergipe

0
Contribuintes são motivados pela antecipação da restituição (Foto: Marcelo Casal Jr/ Agência Brasil)

Em Sergipe, 59.265 contribuintes já encaminharam as respectivas declarações de Imposto de Renda à Receita Federal, um número que é 17,38% maior do que a quantidade de declarações encaminhadas no mesmo período no ano passado, conforme cálculos do supervisor do Programa de Imposto de Renda da RF no estado, Nilson Lima.

A pandemia declarada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) decorrente da proliferação do coronavírus, o COVID-19, no mundo provocou algumas alterações nos procedimentos, mas a forma de pagamento de cotas, para aqueles que são obrigados a efetuar pagamento do imposto, não houve alterações e os prazos continuam os mesmos.

Conforme Nilson Lima, a Receita Federal alterou apenas a data para o contribuinte receber a restituição, antecipando o pagamento relativo ao primeiro lote para o mês de maio, que geralmente ocorre em junho, e adiou para o mês de junho o prazo final para a entrega da declaração do Imposto de Renda para microempreendedores individuais e empresas de pequeno porte cadastradas no Simples Nacional.

O calendário de pagamento de débitos, com vencimento a partir de abril, também foi alterado, possibilitando às empresas e ao microempreendedor individual a possibilidade de efetuar o pagamento três meses após o vencimento, apenas para o apurado a partir do mês de abril, conforme destaca o supervisor do IR em Sergipe.

Aos contribuintes pessoa física, que pagam impostos, não há alterações. O pagamento do valor do imposto a pagar pode ser dividido em até oito parcelas, corrigidas com base na Selic, a taxa básica de juros, o único indexador utilizado pelo governo para corrigir o valor devido ao Leão. A primeira parcela pode ser paga até o dia 30 de abril, mesmo prazo para aqueles que optam pelo pagamento em parcela única.

 

por Cassia Santana

 

Comentários