Mais de 60 mil sergipanos ficam sem CPF

0

Ficar impedido de pegar empréstimos, abrir conta em bancos, participar de concursos e tirar passaporte são apenas alguns dos problemas para quem ficar sem o Cadastro de Pessoa Física – CPF.

Em Sergipe, a Receita Federal estima que 67.663 pessoas tiveram o CPF suspenso. O cancelamento atinge os que deixaram de entregar a declaração de isento do imposto de renda durante os últimos dois anos.

Para regularizar a situação, o contribuinte deverá ir, munido de carteira de identidade, a uma agência do Banco do Brasil, Correios ou da Caixa Econômica Federal.

Ele terá ainda que pagar uma multa de R$ 5,50. Através da página da Receita Federal
www.receita.gov.br ou pelo telefone 0300 780300, o contribuinte pode checar a situação do seu CPF.

Comentários