Sergipanos vão à Feira de Cantão

0

Foto: sxc
Quando de sua passagem por Aracaju, a semana passada, o sr. Charles Tang, principal responsável pela Câmara de Comércio e Indústria Brasil-China, falando um português escorreito, fez uma palestra apresentando a China de hoje, que deve se transformar em poucos anos na 2ª maior economia do mundo.

 

Ele fez um paralelo entre a China e o Brasil, mostrando que enquanto seu país busca a prosperidade – afinal é uma população de quase 1 bilhão e 400 milhões de pessoas – o nosso ainda está às voltas com uma draconiana legislação trabalhista. Tang convidou os empresários sergipanos a irem a China, participar de uma das maiores feiras do mundo, a de Cantão, que se realiza em 3 fases, de 15 a 19 de outubro, 24 a 28 de outubro e 2 a 6 de novembro.

 

Ele pôs à disposição de nosso Comércio e da nossa Indústria, a assessoria da Câmara de Comércio Brasil/China, tanto para levar negócios para lá, como para trazer negócios para cá. Muitos empresários se interessaram. Para se ter uma idéia da Feira de Cantão, ela movimenta cerca de US$ 45 bilhões, tem uma área de 850 mil metros quadrados, mais de 42 mil stands e 150 mil tipos de produtos de exposição.

 

Tang acredita que a área de turismo poderia muito bem ser explorada pelos empresários sergipanos: a China tem um público de 35 milhões de turistas/ano e a beleza natural de Sergipe certamente atrairia os turistas chineses. O sr. Walker Carvalho está na organização da caravana de sergipanos à Feira de Cantão. A viagem levaria 15 dias, sendo 4 dias para a viagem de ida e volta. A caravana visitaria três cidades da China, a um custo aproximado de 10 mil dólares, incluindo passagem, hospedagem e ingressos para a Feira.

 

Por Ivan Valença

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais