Sergipe livre de aftosa com vacinação

0

Carne bovina de Sergipe pode ser exportada / Foto: Arquivo Infonet
O ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Reinhold Stephanes, anunciou ontem, 26, que a Organização Internacional de Saúde Animal (OIE, na sigla em inglês) liberou dez Estados e o Distrito Federal para o comércio internacional de carne bovina. Dentre os Estados considerados livres da febre aftosa com vacinação está Sergipe.

 

Com essa decisão, todos os estados produtores, com exceção do Mato Grosso do Sul, estão liberados para o comércio exterior. Em 2005, os Estados perderam o reconhecimento de imune à febre aftosa devido a problemas sanitários no Mato do Grosso do Sul e Paraná.

 

Além de Sergipe e Distrito Federal foram reconhecidos pela OIE como livres de febre aftosa com vacinação os estados da Bahia, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, São Paulo e Tocantins. Reinhold Stephanes disse que a liberação da carne bovina brasileira traz uma posição muito boa para o país no mercado internacional.

 

“No momento, essa liberação não significa ganho financeiro, porque a demanda está tão aquecida no mundo que daqui a pouco não vamos mais ter boi para exportar”, disse o ministro. Apesar disso, a liberação pode dar perspectiva ao país a médio e longo prazo, à medida em que a produção de carnes está aumentando. O ministro da Agricultura disse que o Brasil está investindo muito na área de defesa sanitária animal e vegetal, não só com relação à febre aftosa.

 

Com informações da Agência Brasil

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais