Tabela de licenciamento do IPVA será igual a de 2016

0
Nova portaria será publicada na próxima segunda-feira (Foto: Arquivo Portal Infonet)

O Governo de Sergipe acaba de confirmar por meio de nota que o calendário de pagamento do Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) continuará no mesmo modelo do ano de 2016. Uma nova portaria está sendo editada pela Secretaria de Estado da Fazenda e será divulgada na próxima segunda-feira, 28.

“Sensibilizado com as dificuldades que seriam enfrentadas pelos proprietários de veículos, já que existem aqueles que ainda estão pagando o parcelamento do licenciamento deste ano, o governador determinou a alteração da portaria que trata da cobrança do IPVA”, diz nota.

Modelo 2016

Com o modelo do calendário de 2016, o proprietário continua tendo desconto de 10% no imposto se pagar a cota única com antecedência. E caso escolha pagar o licenciamento no mês correspondente à terminação de placa de seu veículo, não terá direito ao desconto no IPVA, mas não serão cobrados juros e multas até o último dia útil do mês.

Outra opção para o usuário é parcelar em até três vezes o pagamento, sem desconto. Assim, veículos com final de placa 1 e 2, por exemplo, cujo mês correspondente da placa é março, devem iniciar o parcelamento em janeiro. Para isso, é necessário que a pessoa solicite com antecedência essa opção no site do Detran/SE .

Para requerer o serviço de Licenciamento Anual, basta acessar o portal de Autoatendimento da autarquia e clicar em 'Serviços de Veículo'. No campo 'Licenciamento Anual/IPVA', o interessado deve selecionar o tipo pagamento, via Banese ou outros bancos, preencher os dados, imprimir o boleto e efetuar a quitação.

Polêmica

Na última quarta, 23, o governo confirmou que havia mudado a data de pagamento do licencimento de veículo e o desconto de 10% só seria concedido para aqueles proprietários de automóveis que quitassem o imposto em parcela única até o dia 31 de janeiro do próximo ano, independentemente do final da placa do veículo.

Além dessa mudança, a tabela de pagamento tinha sido antecipada com as datas até o mês de junho. A notícia da portaria causou repercussão negativa na sociedade, veículos de comunicação e redes sociais.

Por Raquel Almeida

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais