Taxa de esgoto é motivo de reclamação no MPE

0
Audiência foi realizada nessa segunda-feira, no MPE (Foto: Portal Infonet)

A cobrança do serviço da taxa de esgoto não agradou os moradores da zona de expansão em Aracaju. O problema é que segundo os proprietários de imóveis da região, o serviço de esgotamento ainda não está disponível. Durante audiência no Ministério Público Estadual (MPE) nesta segunda-feira, 30, os moradores mostraram por meio de imagens a promotora Euza Missano que em alguns locais da região a obra de esgotamento chegou a ser iniciada, mas não foi concluída.

Adenilde Vieira dos Santos mora no Costa Nova há 11 anos e reclama da situação. “Na rua onde moro no residencial Costa Nova o serviço até começou a ser feito, mas não foi concluído. A taxa que chegou na conta de água foi de R$ 27. Eu paguei, mas espero o ressarcimento porque não é justo pagar por algo que não funciona”, fala.

A diretora-presidente do Conselho de Associações de Moradores do bairro Aeroporto e da Zona de Expansão (Combaze), Karina Drummond, lembra que não é interesse dos moradores deixarem de pagar o serviço, mas ressalta que é preciso que o serviço esteja em funcionamento. “Mais de 98% da execução da obra não está ligada a rede de esgoto nas residências. Essa cobrança significa 80% do valor da conta de água. Estamos pagando por um serviço que ou não foi concluído ou não existe. Queremos a suspensão e o ressarcimento”, cobra.

No termo de ajustamento de conduta a promotoria de defesa do consumidor deixou clara a ausência por parte da Deso e remarcou uma nova audiência para o mês de junho.

Relembre

Em fevereiro deste ano a Companhia de Saneamento de Sergipe (Deso) foi proibida de cobrar taxa de esgotamento sanitário aos moradores dos imóveis que não estão interligados à rede no bairro São Conrado, na capital sergipana. A decisão vem do juiz substituto Otávio Augusto Bastos Abdala, da 12ª Vara Cível de Aracaju.

Por Kátia Susanna 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais