Voo Aracaju-Buenos Aires começa a operar em novembro

0
Gol acrescentará mais duas linhas no aeropoto de Sergipe (Fotos: Portal Infonet)

A linha internacional Aracaju – Buenos Aires começa operar no dia 4 de novembro deste ano. Este será o primeiro voo regular internacional de Sergipe, onde serão disponibilizadas 172 passagens semanais para a terra do tango.

O secretário de Estado do Turismo, Fábio Henrique, informa que o governador Jackson Barreto já assinou o decreto de redução da alíquota do ISS e que a formalização entre o Governo e a operadora Gol ocorrerá nos próximos dias. “A formalização final só está dependendo da agenda do governador. Depois do decreto que já foi assinado por ele, a empresa precisa de uns 90 dias para providenciar as adaptações necessárias”, esclarece.

De acordo com ele, o voo semanal de Buenos Aires para Sergipe possibilitará o aumento de turistas para o Estado, aquecendo a economia local. A escolha do voo para Buenos Aires foi feita em cima de pesquisas onde revelam que Buenos Aires é a cidade que mais emanam turistas para o Brasil, e que recentemente o destino mais procurado pelos hermanos é o Nordeste do país. “Para o sergipano, um voo direto com escala somente em Salvador tornará as passagens mais baratas e uma viagem mais cômoda do que por São Paulo. E os argentinos terão mais uma opção de voo diretamente para o Nordeste”, justifica.

Secretário Fábio Henrique ressalta o crescimento dos turistas e reflexo na economia local

Aracaju- SSA – Recife

Outro voo que foi acertado entre o Governo de Sergipe e a Gol foi a implementação da linha Salvador- Aracaju – Recife. “Com a redução da alíquota do ISS, solicitamos como contrapartida um voo necessário para os sergipanos, que facilitará a viagem pelo Nordeste”, diz.

Ao ser questionado se o Aeroporto Santa Maria irá se tornar internacional "de verdade", o secretário informa que está trabalhando para isso. “Tudo que é primeiro é mais difícil. Até então, só tivemos voos charters internacionais, mas este é um voo regular e semanal. Se houver demanda, iremos conseguir novos voos”, finaliza.

Por Raquel Almeida

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais