Câmeras compradas para aumentar segurança na UFS não foram instaladas

0

Após a tentativa de estupro contra uma estudante da Universidade Federal de Sergipe (UFS), em maio deste ano, a instituição afirmou que agilizaria o processo de aquisição de câmeras de monitoramento para aumentar a segurança no campus de São Cristóvão. A previsão era instalá-las ainda no primeiro semestre, o que não ocorreu. De acordo com a superintendência de Tecnologia e Informação da UFS, cerca de 100 câmeras foram adquiridas, mas não foram instaladas porque o contrato com a empresa capacitada para realizar a instalação do cabeamento e das câmeras venceu – e um novo processo de contratação está em andamento. Há expectativa de que a situação seja solucionada até o final do ano.

Confira a reportagem completa no vídeo:

Comentários