Governo e Fapitec concedem mais de R$ 15 mi em incentivos à pesquisa

0
Com editais, Fundação oferece suporte financeiro a projetos da área de CT&I em Sergipe (Foto: Fapitec)

O Governo de Sergipe, por meio da Fundação de Apoio à Pesquisa e à Inovação Tecnológica do Estado de Sergipe (Fapitec/SE), vem ampliando seu papel de fomentador ao desenvolvimento de projetos nas áreas de ciência, tecnologia e inovação (CT&I). Por meio de diversos editais, a Fapitec vem trazendo suporte a pesquisadores e profissionais de diferentes áreas e níveis de formação, totalizando mais de R$ 15,4 milhões em incentivos financeiros somente entre 2020 e 2021.

Atualmente, a Fapitec conta com sete editais abertos, todos lançados em 2021. Juntas, as publicações somam mais de R$ 6,2 milhões em subsídios. Somente no início de setembro, em um só dia, três editais foram lançados, totalizando um aporte de R$ 3,8 milhões em incentivos.

Além dos editais abertos, outros 13 encontram-se em andamento, cinco deles lançados somente no período 2020-2021. Somados, estes editais totalizam mais de R$ 9,1 milhões em incentivos, com recursos do Governo de Sergipe e de instituições parceiras como a Financiadora de Estudos e Projetos (Finep). A Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e da Ciência e Tecnologia (Sedetec), à qual a Fapitec é vinculada, também atua em parceria com a Fundação.

Segundo o diretor-presidente da Fapitec, Ronaldo Guimarães, a variedade de editais e incentivos visa atender às diferentes demandas dos pesquisadores e empreendedores sergipanos. “Os editais oferecem recursos ao desenvolvimento de projetos de públicos que vão desde alunos do ensino fundamental até pós-doutores, passando pelo ensino médio, graduação, mestrado e doutorado, além de profissionais e técnicos. São propostas diversas, que tem em comum o foco estratégico e o relevante impacto social. Por isso, temos nos empenhado no compromisso de motivar a pesquisa e a inovação no estado”, diz.

Para o secretário da Sedetec, José Augusto Carvalho, os editais trazem a oportunidade de articulação de conhecimentos em iniciativas reais. “Incentivar o espírito científico, empreendedor e inovador é uma das premissas do Governo de Sergipe. Com os editais operacionalizados pela Fapitec, é possível ver o conhecimento vindo das escolas e universidades aplicado em projetos tangíveis. Da mesma forma, é possível ver boas ideias de negócios sendo executadas e ampliadas. Essas possibilidades fortalecem e inspiram nosso trabalho”, pontua.

Novidades

Até o final de 2021, novas publicações se juntarão à lista de editais abertos. É o caso do Programa Centelha II, que em sua primeira edição contemplou 22 empresas, viabilizando o desenvolvimento de iniciativas criativas e inovadoras. Somente na edição inicial do Centelha, foi destinado R$ 1,2 milhão para subsidiar a produção de bens e serviços. O mesmo montante será disponibilizado na nova edição do edital.

Entre os editais abertos, três são conduzidos em parceria com a Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura (Seduc), com foco na realização de feiras e olimpíadas de ciências e no desenvolvimento de políticas educacionais. Outros destaques são os editais de iniciação científica, de mestrado e doutorado com produto tecnológico e de pós-doutoramento em instituições estaduais, com atuação junto ao Instituto Tecnológico e de Pesquisas do Estado de Sergipe (ITPS) e à Empresa de Desenvolvimento Agropecuário de Sergipe (Emdagro). Conclui a lista o edital de seleção de assessores para as Câmaras de Assessoramento Técnico (CATs) da Fapitec.

Para conhecer os editais abertos e em andamento, assim como os já encerrados, basta entrar no site da Fapitec (fapitec.se.gov.br) e buscar a aba Editais.

 

Fonte: Fapitec

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais