Governo realiza concurso do magistério neste domingo

0
Candidatos devem imprimir comprovante de inscrição (Foto: Arquivo Infonet)

Neste domingo, dia 1º de abril, mais de 32 mil pessoas farão o concurso público para preenchimento de vagas no magistério estadual.  É prudente que o candidato confira e imprima o documento de inscrição, no qual consta a cidade, a instituição de ensino e sala em que realizará a prova, bem como a confirmação do horário. Os dados estão disponíveis no site da Funcab. Decisão judicial tomada na tarde da sexta-feira, 30, garante a aplicação das provas.

Ao todo, serão 31 instituições que receberão os candidatos, contando com o campus da Unit e o campus da UFS. São 220 candidatos que tiveram a inscrição deferida para concorrer na condição de deficiente.

Acompanhando a organização do certame desde o início, o secretário de Estado do Planejamento, Orçamento e Gestão, Oliveira Júnior, aponta que todos os preparativos já estão bem encaminhados. "Através de diversas reuniões com a comissão do concurso e com a Fundação Carlos Augusto Bittencourt (Funcab) definimos todos os detalhes, como locais de aplicação, esquematização e equipe. Inclusive, demos atenção à alocação correta dos candidatos que precisam de condições especiais para responder a prova", revela o secretário.

Segundo Andrea Macedo, superintendente de Recursos Humanos da Seplag, todos os 32 mil candidatos foram bem distribuídos entre as cidades e locais de aplicação da prova. "A prova será aplicada em Aracaju, Estância, Itabaiana, Lagarto, Nossa Senhora da Glória e Propriá. No total, serão 31 instituições, contando com os campus de São Cristóvão (Didáticas I, III, IV, V e VI), além do campus da Unit de Estância, Itabaiana e Propriá", revela Andrea Macedo.
Estrutura e recursos humanos

A estrutura montada para a realização das avaliações conta com 457 salas para atender aos 17.503 candidatos que serão convocados para responder às provas pela manhã e 398 salas para atender aos outros 15.245 pela tarde (quando serão aplicadas as provas para o cargo de professor de Língua Portuguesa e Polivalente), distribuídas entre cinco municípios. Em relação aos recursos humanos, foram recrutadas 2,5 mil pessoas para trabalhar na fiscalização e coordenação da aplicação da prova objetiva. 

"Fica a cargo do candidato abrir a página da fundação e imprimir o comprovante de inscrição para levá-lo, juntamente com documento de identificação com foto e caneta esferográfica de material transparente, para os locais onde será aplicada a avaliação objetiva", orienta Silvio Lutz, coordenador de Projetos e Concursos da Funcab.

Com informações da ASN

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais