Seis municípios querem o campus avançado da UFS

0

O prefeito de Própria, Luciano Nascimento (PFL), vai manter contatos com a bancada
federal de Sergipe e ainda com o presidente do Senado, Renan Calheiro, e o presidente da
Câmara Federal, Severino Cavalcanti, para pedir apoio visando conseguir um campus
avançado da Universidade Federal de Sergipe em seu município. Na semana passada ele manteve
audiência com o reitor da UFS, professor Josué Modesto dos Passos Subrinho, oportunidade em que conheceu o Plano de Expansão da instituição de ensino superior.
“Depois desse primeiro passo, vamos conversar com a Câmara Municipal, CDL, Associação Comercial e todos os segmentos religiosos para que se manifestem favorável à iniciativa. Logo em seguida, vamos nos reunir com os prefeitos dos 27 municípios da região do São Francisco, para tirar um manifesto defendendo a nossa posição. Nesse caso da associação, também será manifestado o apoio a Nossa Senhora da Glória, que também pleiteia um campus e está no âmbito da associação que eu dirijo”, explicou.
O Plano de Expansão da UFS prevê o aumento da oferta de vagas no Concurso Vestibular das atuais 2.010 para 4.610 e a elevação do número de alunos dos 11 mil de hoje para 24 mil. As metas, entre as quais o aumento do número de professores e servidores, devem ser
todas alcançadas até 2008. Também estão trabalhando no sentido de conquistar campi
avançado os municípios de Estância, Lagarto, Itabaiana e Boquim. O prefeito de Porto da
Folha, Manoel de Rosinha, manterá audiência com o reitor na próxima quarta-feira para
anunciar a presença de seu município na disputa.

Comentários