Vacina: Sintese quer prioridade para professores, técnicos e alunos

0
(Foto: Maria Odília)

O Sindicato da Trabalhadores em Educação do Estado de Sergipe (Sintese), em conjunto com os representantes dos trabalhadores das escolas públicas e dos estudantes, enviaram ao Governador do Estado, na última sexta-feira, 8, ofício reivindicando prioridade na Campanha de Vacinação contra Covid-19.

Os professores estão no grupo prioritário no Plano Estadual de Vacinação e devem ser vacinados na quarta fase, mas não consta a imunização, por enquanto, de estudantes e técnicos-administrativos.

O ofício conjunto pede ao Governador justamente que esse público, devido ao retorno das aulas presenciais da rede estadual, anunciado para o dia 22 de março, seja imunizado. “O retorno das aulas presenciais só deve ocorrer com total segurança para professores, estudantes e servidores técnicos-administrativos, e para que isso seja possível é necessário a garantia da vacina para todos. Entendemos que essas pessoas devem ser colocadas no grupo prioritário para vacinação”, diz o ofício.

As categorias entendem que mesmo não fazendo parte do grupo de risco, as crianças e adolescentes são potenciais transmissores, e que esse público nas escolas não respeita o protocolo do distanciamento social, bem como não segue à risca todas as recomendações sanitárias. “Daí a necessidade de só realizar o processo de abertura com total segurança desse grupo social”, reforça o ofício.

Assinaram o ofício conjunto o Sintese, o Sindicato dos Profissionais do Ensino do Município de Aracaju (Sindipema), o Sindicato dos Trabalhadores nos Serviço Público do Estado de Sergipe (Sintrase), a União Sergipana dos Estudantes Secundários (Uses), a União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (Ubes) e a União Metropolitana dos Estudantes de Aracaju (Umesa).

No último dia 8, o Governo afirmou que não tinha conhecimento do teor da solicitação do sindicato e salientou que no Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19 já consta a hierarquia das propriedades por etapas de vacinação.

O Portal Infonet  fez novo contato com  a Superintendência de Comunicação do Governo, que ficou de apurar se o ofício já foi recebido e se há a possibilidade do pedido das categorias ser atendido, mas até a publicação dessa matéria, não o houve retorno. O Portal Infonet permanece à disposição do Governo através do e-mail jornalismo@infonet.com.br.

Imunização

O Portal Infonet também entrou em contato com a Secretaria de Estado da Saúde (SES) para saber se menores de 18 anos serão vacinados em Sergipe. Pelo que consta no Plano de Vacinação Estadual, entre as principais vacinas candidatas a serem utilizadas, só duas delas poderão ser aplicadas em maiores de 16 anos, e quatro em maiores de 18 anos.

O Diretor de Vigilância em Saúde da SES, Dr. Marco Aurélio Goes, explicou que por enquanto, não há autorização para imunizar no Brasil menores de 18 anos, gestantes e puérperas.

Por Karla Pinheiro

Comentários