Caçadores Moto Clube completa 15 anos de existência

0
Grupo reunidos em mais um Motofest (Fotos: Divulgação)

Os motociclistas integrantes da Associação Caçadores Moto Clube estão em clima de festa. O motivo para tanta comemoração é que no próximo dia 16 o clube estará completando 15 anos de existência. Considerado o maior e mais antigo do estado, o clube se destaca por realizar viagens desafiadoras e ações solidárias.

Para que a data não passe em branco, a diretoria do motoclube está preparando uma grande festa para reunir seus integrantes, amigos mais próximos, representantes e presidentes de outros motoclubes. “Será um momento festivo que tem o objetivo de integrar os motociclistas e registrar na memória a brilhante trajetória do grupo que está sempre apoiando ações de motociclismo seguro e levando o nome de Sergipe para outros lugares”, diz um dos integrantes, Darlan Oliveira.

Semanalmente, os integrantes se encontram para abordar assuntos diversos como eventos, calendário de viagens e motociclismo em geral. “Procuramos definir detalhes das viagens em grupo de acordo com o calendário nacional de eventos, participação no Clean up the World, corridas de MotoCross, Salão duas rodas, assim como as grandes viagens. Vale ressaltar que o grupo pratica um motociclismo baseado na amizade, sem necessidade de divulgação pessoal, nem ambições político-partidárias, muito menos religiosas”, detalha Ana Cristina Dias, presidente do motoclube.

Caçadores fazendo ação solidária no interior de Sergipe

Os encontros acontecem todas as quintas na sede do grupo, localizada na Rua Siriri, Centro. Dispensadas as formalidades, os motociclistas seguem para outros locais a exemplo da Passarela do Caranguejo e imediações da Orla de Atalaia para um bate-papo descontraído.

No início deste ano, integrantes dos caçadores se lançaram em uma super aventura que envolveu uma viagem com trajeto de aproximadamente 12 mil km. Além do Brasil, o comboio passou pela Argentina e pelo Chile. “Já percorremos todos os estados do nordeste assim como passamos por Brasília, Belo Horizonte, interior de Minas Gerais, São Paulo e diversas cidades do sul, sudeste e norte”, destaca Ana Cristina.

História

Criado em agosto de 1997, o grupo é composto por 33 motociclistas, suas garupeiras [é assim que são chamadas as esposas] e outros dois motociclistas. A presidente do clube explica a filosofia do grupo. “Nosso intuito é agregar pessoas com a mesma paixão, organização, solidariedade, responsabilidade e acima de tudo, fazendo o que gosta em função de um bem comum que é a procura da felicidade”, conta a presidente Ana Cristina Dias.

Caçadores se preparando para ir ao Chile

“O grupo foi crescendo e diante da necessidade de organização, criamos nosso regimento interno e realizamos a posse do primeiro presidente e sua diretoria. Somando-se a isso, veio o amadurecimento motociclístico dos integrantes e valores como solidariedade na estrada, pilotagem segura, disciplina em grupo. Também percebemos a necessidade de um documento legal, foi então que surgiu nosso estatuto e regimento interno”, explica a presidente do motoclube, Ana Cristina Dias.

Frequentemente, os motociclistas se unem em prol do próximo. Campanhas solidárias envolvendo distribuição de brinquedos, roupas, e cestas básicas também fazem parte das atividades que normalmente abrangem cidades do interior do estado. Cada integrante tem uma cota a ser atingida, mas que geralmente é extrapolada através da ajuda de outros parceiros.

“É um trabalho gratificante poder ver o brilho nos olhos pessoas ao mesmo tempo em que juntamos duas coisas que gostamos muito, motociclismo e solidariedade. Só entende quem faz”, comenta a presidente Ana Cristina ressaltando que campanhas de doações de sangue e primeiros socorros também são realizadas.

Moto Fest 2012

Motofest acontece anualmente em Aracaju e reúne grande número de motociclistas

Os caçadores também fazem parte do grupo de organizadores do Moto Fest.  Marcado para acontecer entre os dias 15 e 18 de novembro, o evento realizado tradicionalmente na Orla de Atalaia, é uma espécie de confraternização de motociclistas, quem conta com shows musicais, standes de concessionárias e lojas de acessórios.

O Moto Fest é aberto ao público e aos motociclistas em geral, independentemente do seu tipo de moto. “É um grande encontro que reúne motociclista não só de todo o estado, mas também de estados como Bahia, Alagoas e Pernambuco”, destaca Darlan Oliveira.

Por Verlane Estácio e Raquel Almeida

Comentários