CBHb concretiza sonho com a criação do Centro de Desenvolvimento do Handebol

0

Fiorize Piovesana, Diretor de Seleções da Confederação Brasileira de Handebol
Um centro de treinamento, onde os jovens atletas possam se exercitar com a pratica do Handebol e a criação de um espaço para desenvolver a modalidade, sempre foi o grande sonho do presidente Manoel Luiz Oliveira, recém eleito por aclamação, presidente da Confederação Brasileira de Handebol – CBHb-. Este ideal pode se transformar em realidade ainda este ano, com a construção na cidade de São Bernardo do Campo do Centro de Desenvolvimento do Handebol.

O projeto arquitetônico do empreendimento foi apresentado pelo Diretor de Seleções da CBHb, José Fiorizi Piovesana, na Assembléia Geral da CBHb que se realiza esta semana em Aracaju. Para Fiorizi, o ideal é que o projeto não ficasse restrito somente a esse primeiro módulo, mas que fossem construidos pelo menos um módulo em cada região do Pais.  “Com isso, nosso Handebol daria um grande salto de qualidade, igualando-se às grandes potências, criando expectativa de lutar por excelentes resultados, nas competições internacionais”, disse Fiorizi.

A cidade de São Bernardo do Campo, em São Paulo foi a escolhida para implantação desse primeiro módulo. O Centro de Desenvolcimento de Handebol será construido em uma área de 12 mil metros quadrados e terá uma área construida de 6 mil metros quadrados. Será dotada de ginásio de esportes com capacidade para 2 mil pessoas, alojamentos com capacidade para quarenta ou 50 pessoas, quadra de aquecimento, refeitório e está localizado em uma das áreas mais nobres da cidade paulista, bem próximo ao principal ginásio de São Bernardo do Campo. “Com essas características e as facilidades de localização, muito em breve São Bernardo do Campo estará capacitada para promover um campeonato mundial”, disse Fiorizi, que também é  Secretário de Esportes de São Bernardo do Campo.

O início das obras está previsto ainda para este ano e depende apenas da definição do projeto arquitetonico e financeiro e alguns detalhes. “Tão logo toda essa documentação esteja concluída vamos levá-la ao Ministértio do Esporte ao COB e à Petrobras, que serão nossos parceiros na execução desse projeto, que será sem dúvida alguma, um grande marco no processo de evolução e afirmação do handebol brasileiro”, disse o presidnte Manoel Luiz Oliveira.

ASSEMBLÉIA  –

Sobre a Assembléia Geral da CBHb que se realiza em Aracaju, Fiorizi Piovesana disse que algunas questões despertaram o interesse de todos os participantes, porém o que lhe cahmaou mais atenção foi a evolução nos números, apresentados pelas diversas federações  estaduais. “Isso nos deixa muito satisfeito e na certeza, de que a Confederação está trabalhando no caminho certo”.

Como diretor de Seleções da CBHb, Fiorizi disse que o ano de 2005 se apresenta como muito promissor e o trabalho começa com a renovação da Sadulta masculina, que já está na França para uma serie de amistosos, preparatórios para o Mundial da Tunísia de 23 de janeiro a 06 de fevereiro.

A Assembléia Geral da CBHb que se realiza em aracaju desde o dia 06 será encerrada neste sábado à tarde com a conclusão da apresentação dos relatórios individuais de cada presidente de entidade estadual. Á noite será realizado o coquetel de encerramento, confraternização e despedida dos convencionais.

                                         

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais