MPE pede interdição de estádio em Estância

0

O Ministério Público Estadual (MPE) ajuizou ação civil pública contra o município de Estância e o Governo do Estado para interdição imediata e reforma do Estádio Augusto Franco (Francão). Vários órgãos constataram, no início do ano, a situação de risco do local. Desde então, MPE vinha discutindo a questão com o município e o Estado. Como estes não demonstraram interesse em resolver o problema, o MPE resolveu ajuizar a ação.

 

Uma vistoria efetivada pelo Corpo de Bombeiros verificou infiltrações, ferragens expostas, falta de iluminação, de extintores de incêndio, cadeiras danificadas, falta de proteção à entrada de torcedores no campo, presença de gambiarras, além de vários problemas estruturais. Já a Polícia Militar apontou que há apenas um acesso para veículos, o muro que cerca o estádio foi considerado muito baixo, além da falta de alojamento para árbitros e policiais militares.

 

A própria vigilância sanitária municipal condenou o local por conta da desadequação dos banheiros, que estão com vasos sanitários, descargas e pias depredados. Em todo o estádio não foi encontrada nenhuma fiação referente a parte elétrica.

 

Com informações da ASMP

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais