“Não temos tempo para lamentar”, lembra técnico Rocha

0

(Foto: Filippe Araújo)

Na tarde do último sábado, 4, a equipe da Associação Desportiva Confiança tentou um resultado favorável, mas acabou perdendo para o River Plate no Estádio Lourival Baptista por 2 a 0. A partida, válida pela terceira rodada do segundo turno, teve uma boa movimentação das equipes.

O time do Bairro Industrial começou a primeira etapa da partida segurando a defesa. Os primeiros lances de ataque surgiram após os 15 minutos. Os adversários também buscaram o conta ataque, mas a zaga proletária segurou. Logo no inicio do segundo tempo, os azulinos foram surpreendidos por um gol. Mesmo com alguns aproveitamentos do grupo, a marcação adversária segue em frente e consegue ampliar o marcador. No fim do jogo, o Confiança ameaça em cobranças de escanteio.

O jogo, segundo Nadélio Rocha, não foi bom para o grupo. “O adversário veio bem retrancado. Após algumas mudanças vieram para cima e conseguiram vencer. Nós erramos e pagamos caro por isso”, explica o técnico. No entanto, para o comandante azulino, não é momento de baixar a cabeça. “Vamos esquecer a derrota de hoje. O campeonato continua e não temos tempo para lamentar”, lembra.

O Confiança entrou em campo com Ricardo, Ângelo, Renê, André, Valdo (Gilmar Baiano), Augusto, Fernandes, Diego Lima (Everton Felipe), Wallace, Almir (Joelton) e André Tavares. O próximo desafio do time proletário será na terça-feira, a partir das 20h30, no Estádio Fernando França em Carmópolis. O time azluino volta a enfrentar o River Plate, desta vez pela quarta rodada do segundo turno (jogo de volta). O time retoma a atividade técnica na tarde de segunda-feira, dia 06, às 15 horas no Estádio Proletário Sabino Ribeiro.

Fonte: Ascom Confiança

Comentários