Nino assina com Sport e deixa diretoria do Confiança irritada

0

O atacante Nino Baiano, contratado pela Associação Desportiva Confiança para o Campeonato Sergipano deste ano e que havia renovado documento, permanecendo no clube proletário na temporada de 2008, assinou uma outra admissão com o Sport Clube do Recife.

A decisão adotada pelo jogador, com a participação de um intermediário, no caso, um empresário de nome Santana, deixou o presidente do Confiança contrariado, que disse não liberar o jogador com interferência de empresário. “Se a diretoria do Sport me ligar, posso até liberar Nino, mas da forma que está acontecendo, não”, disse Milton Dantas.

A conversa entre o jogador e o dirigente proletário aconteceu no estacionamento da Federação Sergipana de Futebol (FSF) e foi presenciada por várias pessoas, pelo tom de voz, alto, usado principalmente por Nino, durante o encontro.

O presidente Milton Dantas afirmou que tomou como surpresa o acerto de Nino com o Sport, uma vez que o atacante renovou o contrato com a equipe proletária desde semana passada e chegou a conceder várias entrevistas nos órgãos de comunicação do estado, dizendo que iria permanecer no clube na próxima temporada.

 “Apesar da renovação, nós fizemos um acordo com o atleta se aparecesse uma proposta melhor, o Confiança não criaria nenhum obstáculo até porque a negociação seria feita entre o clube interessado e a equipe proletária”, disse Dantas, ressaltando que o Dragão não ficou satisfeito porque nem sequer foi comunicado da negociação e soube através da imprensa.

 Milton Dantas afirmou que vai honrar a palavra em liberar Nino para o Sport, mas desde as coisas sejam realizadas corretamente. O dirigente reclamou mais uma vez do comportamento do empresário Santana, que teve problemas na negociação com o zagueiro Edson do Sergipe e recentemente com o meio-campista Rivelino, que jogou também no Confiança.

 “Nós dirigentes de clubes temos que tomar uma posição contra esse empresário. Ele não teve nenhum respeito com o Dragão e as coisas devem ser feitas da maneira correta para ninguém sair prejudicado”, disse Milton Dantas, ressaltando que o clube investiu na atleta para chegar o empresário sem gastar nada ganha dinheiros as custas dos clubes sergipanos.

 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais