Sergipe é goleado e fica fora da Copa do Brasil

0

Sem apresentar um futebol convincente, o Sergipe foi goleado de virada por 4 a 1 pelo Americano, na noite de ontem no Batistão e deu Adeus a Copa do Brasil. Com a vitória superior a dois gols, o clube carioca evitou a realização do segundo jogo, em Campos e obteve a classificação para a segunda fase. Os torcedores que foram ao Batistão nunca imaginariam que o Sergipe seria humilhado pelo clube carioca. No inicio do jogo, o “Mais Querido” demonstrava que iria vencer o adversário até como uma certa facilidade, mas no decorrer da partida essa tese foi de água abaixo. Aos 17 minutos, Lima cruza na área e Pedro Costa toca na saída do goleiro Charles. Sergipe 1 a 0. Cinco minutos, após foi à vez do Americano chegar com perigo. Flavinho sozinho chuta para fora. O empate não demorou muito. Aos 28 minutos, Janduir falha e Cristiano não perdoa e toca para o fundo das redes. Aos 44 minutos, o Americano vira o jogo. Wederson bate forte, a bola desvia em Hamilton e vai para as redes. Na segunda etapa logo aos oito minutos, o clube carioca amplia. Wederson chuta e o goleiro Shumacher aceita. Aos nove minutos, André Veiga entra no lugar de Fio. Dois minutos depois, ele agride Cristiano e é expulso. Aos 17 minutos, Flavinho bate forte e mais uma Shumacher falha. Americano 4 a 1. No final do jogo, o goleiro Shumacher chorou pela desclassificação e também pelas falhas nos gols do Americano e acabou sendo consolado pelos companheiros. Na entrevista ao repórter J Santos da Rádio Jornal, ele deu entender que estava se despedindo do Sergipe. “Eu não queria deixar o Sergipe desta forma”, disse Shumacher ao ser entrevistado no final da partida. O diretor de futebol, Ramon Barbosa, disse que irá se reunir com o presidente Antonio Soares da Mota para tomar as devidas providencias. “Não é possível um time como o Sergipe perder para o Americano e de goleada”, disse o dirigente, que criticou a atitude de André Veiga, que em menos de cinco minutos em campo foi expulso ao agredir o atacante Cristiano. Pelo que deixou transparecer o dirigente, alguns jogadores poderão ser dispensados. Sergipe 1 x 4 Americano Arbitragem: Lourival Lima Filho (BA) Auxiliares: Terêncio Santos Passos e Edmo Oliveira Renda e público: Não foram divulgados Cartões amarelos: Vicente, Hamilton, Laerte Cartão vermelho: André Veiga Sergipe: Shumacher, Glauber, Janduir, Kiko e Vicente; Lima, Hamilton, Fio (André Veiga) e Mazinho; Pedro Costa e Fernando. Técnico: Elenilson Santos. Americano: Charles, Andrinho, Ciro, Laerte e Wederson; Índio (Oliveira), Evaldo, Flavinho (Flávio Santos) e Ronaldo; Vitinho e Cristiano (Leandro). Técnico: Toninho Andrade.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais