Sergipe pronto para pegar Vitória

0

Amaral disse que amistoso serve para armar a equipe
O técnico do Sergipe, José Carlos Amaral, já definiu a equipe que enfrenta o Vitória, amistosamente, hoje, à noite, na cidade de Rosário do Catete, na inauguração dos refletores do Estádio Resendão.

Amaral não contará com os laterais Sandro Miguel e Marcelo da Guia e o zagueiro Felipe. Os dois primeiros atletas estavam nas cidades de origem. Já Felipe retorna do Rio de Janeiro, amanhã, à tarde.

O time está praticamente definido com: Neto, Glauber, Gonçalves, Antonio Carlos e Araújo; Hamilton, Fabinho, Nilson e Rivelino; Sena e Rubinho. Foi essa formação que terminou o coletivo, na última terça-feira, no Estádio João Hora de Oliveira com a vitória dos titulares sobre os reservas por 2 a 0, gols de Seninha e Rubinho.

Sobre o adversário, Amaral disse que todo mundo sabe do potencial do Vitória e mesmo não vindo os titulares ainda sim é uma equipe forte e competitiva. “ O tetracampeão baiano tem um trabalho de base dos melhores do Brasil, por isso o jogo se torna difícil”, disse o treinador, acrescentando que o amistoso serve na preparação da equipe para as competições que vão acontecer neste segundo semestre.

América – O meio-campista Nilson rescindiu o contrato com o Sergipe e possivelmente no domingo estará viajando para Belo Horizonte, onde deve se apresentar a equipe da América.

Vitória – Com uma nova dupla de zaga, o time B do Vitória viaja na manhã de hoje e à noite jogará amistosamente contra o Sergipe, inaugurando o sistema de iluminação do Estádio de Rosário do Catete, a 40 km de Aracaju.

O técnico Chiquinho escalará os garotos 87 (18 anos) Anderson e Davi na zaga para testar visando o jogo contra o Ipitanga, domingo, às 10 horas, no Estádio Luís Eduardo Magalhães, em Terra Nova, pelo Baianinho.

Local: Estádio Resendão

Horário: 20 horas

Sergipe: Neto, Glauber, Gonçalves, Antonio Carlos e Araújo; Hamilton, Fabinho, Nilson e Rivelino; Sena e Rubinho. Técnico: José Carlos Amaral

Vitória: Vítor, Alex Santos, Anderson, Davi e Sandro; Neto, Cauê, Mineiro e Marcos Paraná; Doca e Danilo. Técnico: Chiquinho.

 

 

 

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais