Alese aprova projeto que declara Forró Siri patrimônio cultural de SE

0
PL aprovado é de autoria do deputado Doutor Samuel (Fotos: Elison Bonfim, Antônio Carlos e João Brasil)

Foi aprovada nesta quarta-feira, 7, na Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese) o Projeto de Lei nº 8/21 que declara o Forró Siri, festa tradicional do município de Nossa Senhora do Socorro, Patrimônio Cultural Imaterial do Estado de Sergipe.

O autor do projeto, deputado Doutor Samuel (Cidadania), entende que o festejo que acontece desde 1993, vem fazendo história na cultura popular do Brasil e se tornou uma importante fonte econômica, contribuindo assim para o desenvolvimento do Estado.

Forró Siri

A primeira edição do Forró Siro aconteceu em 1993, no conjunto Parque dos Faróis ,em Nossa Senhora do Socorro. No início, trios pé-de-serra eram as atrações, mas com o crescimento da festa, bandas nacionais começaram a se apresentar no festejo. O Forró Siri acontece no final do mês de junho, em comemoração ao São Pedro.

Até o ano de 2016, o Forró Siri era realizado na principal avenida do conjunto João Alves, mas a partir de 2017, o evento passou a ser realizado na Arena Siri, no conjunto Fernando Collor. O Forró Siri já faz parte do calendário dos festejos juninos de Sergipe e é considerado uma das maiores festas de São Pedro do Estado.

Em 2020, o festejo não foi realizado por conta da pandemia da covid-19.

Por Karla Pinheiro

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais