Aracaju Acessível discute mobilidade urbana

0

Vereador Lucas Aribé durante o evento (Foto: Divulgação assessoria)

Na manhã desta segunda-feira, 16, o projeto Aracaju Acessível promoveu um seminário sobre acessibilidade e mobilidade urbana na capital sergipana. O evento foi realizado na Sociedade Semear e teve três palestras sobre o tema. A primeira foi do jornalista Marcos de Sousa, do portal Mobilize Brasil, convidado para vir à Aracaju especialmente para esse evento. Na segunda parte do Seminário intitulado "Aracaju Acessível: o direito de ir e vir", o professor de Arquitetura Wellington Costa, nome referência em mobilidade no Estado, e por fim, o superintende Municipal de Transportes e Trânsito, Nelson Felipe da Silva Filho.

O seminário começou por volta das 9h30 com a palavra do jornalista Marcos de Sousa. Profissional especialista em mobilidade urbana e acessibilidade, Marcos falou sobre um breve estudo feito em Aracaju sobre os temas da palestra. Durante um dia inteiro, ele conheceu pontos variados da Capital e mostrou ao público que acompanhava a primeira palestra do dia. "Fiz um estudo sobre acessibilidade em Aracaju e vejo que três pontos são preocupantes: obstáculos, rampas e sinalização. Isso precisa melhorar de forma urgente. No restante da análise, a cidade está à frente de diversas capitais brasileiras", disse. Marcos de Sousa citou exemplos do mundo inteiro e fortaleceu a ideia de que se deve fugir do carro na hora do transporte. "Procuramos mostrar alternativas em relação ao uso do carro e como  essas medidas podem ser benéficas para a sociedade", afirmou.

Após a palavra de Sousa, o professor de Arquitetura e um dos estudiosos mais conhecidos em Sergipe na área de mobilidade urbana, José Wellington Costa, teve a vez. Assessor da Secretaria do Estado de Desenvolvimento Urbano, Costa foi um dos assessores da Câmara Municipal de Aracaju durante a votação do Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano, e trouxe essa temática para o seminário Aracaju Acessível. "Durante a palestra mostramos o quanto é preciso evoluir nessa área, falamos sobre a discussão e mudanças do plano diretor em Aracaju", disse.

Wellington Costa ressaltou a importância de ações como essa, promovida pelo vereador Lucas Aribé (PSB). "Participar de eventos como esse nos enche de esperança, mostra que tem gente que deseja uma mudança. Estamos parados ou regredindo e isso não pode acontecer. Também serve para chamar a atenção da sociedade para o tema", destacou.

Representando a Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito de Aracaju, o superintendente Nelson Felipe da Silva Filho mostrou problemas e soluções sobre acessibilidade na Capital. Além disso, mostrou as mudanças que estão sendo planejadas no plano de mobilidade urbana previsto para ser executado pela Prefeitura Municipal de Aracaju. "Falamos sobre acessibilidade dentro do plano de mobilidade urbana. A intenção foi mostrar o que pretendemos fazer e como isso pode mudar muita coisa em Aracaju", afirmou Nelson Felipe.

Após abordar a temática e responder as perguntas dos que estavam presente, Nelson Felipe agradeceu o convite e parabenizou Lucas Aribé. "A presença da SMTT em eventos como esse é fundamental.Somos nós que fiscalizamos e tornamos a cidade um espaço mais acessível em relação ao trânsito.Parabenizo a todos pela realização do seminário e a Lucas Aribé", pontuou.

Aracaju Acessível

Idealizado e realizado pelo vereador de Aracaju, Lucas Aribé, o projeto Aracaju Acessível continua nesta terça-feira, 17, com a caminhada pelo Campus São Cristóvão da Universidade Federal de Sergipe. Nesta ação, idealizada pelo reitor da instituição Ângelo Antoniolli, serão mostradas as falhas de acessibilidade na UFS. Na quarta, dia 18, é dia de sessão no Cinema Vitória, com a Mostra de Acessibilidade no Festival Iberoamericano de Cinema de Sergipe, o Curta-SE. O acesso é livre. Na sexta-feira, dia 20, haverá sessão especial na CMA, em homenagem ao Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência.

Fonte: Assessoria Parlamentar

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais